FETAG/ FETAR- ALAGOASSLIDE

Trabalhadores asseguram reajuste salarial de 4%

A negociação foi realizada pelos representantes da Fetar-Al. Com Classe Patronal | Assessoria Fetar com ABN | 10|12|2018 às 20:59

Após um mês de reuniões, foi encerrada nesta segunda-feira, 10, a campanha salarial 18/19 dos trabalhadores rurais canavieiros. A negociação foi realizada entre os dirigentes da Federação dos Trabalhadores e Trabalhadoras Assalariados Rurais do Estado de Alagoas (Fetar-AL) e os representantes das entidades que formam a classe patronal.

De acordo com o presidente da Fetar-AL, Cícero Domingos, foi assegurado o reajuste de 4% que será aplicado em cima do salário base da categoria e também da tabela de tarefas. “Com isso, o salário dos trabalhadores assalariados passa dos atuais R$ 990 para R$ 1.029,60. Lembrando que o reajuste é retroativo a 1º de novembro”, reforçou.

No processo de negociação, os trabalhadores mantiveram ainda o piso garantia de R$ 25, que só será aplicado caso o reajuste do salário mínimo nacional ultrapasse o valor do novo piso da categoria.

Domingos informou ainda que, na primeira etapa da rodada de negociação, foram mantidas todas as clausulas sociais contidas das propostas apresentadas pelos trabalhadores rurais.

À classe patronal é formada por representantes dos forneceres de cana, representados pela Asplana e Faeal e das usinas de cana-de-açúcar, que são representadas pelo Sindaçúcar-AL.

Fonte: Ascom – Fetar-Al. 

Facebook Comments

Artigos relacionados

Fechar