Blog do DreschBLOGSSLIDE

BARTOLOMEU DRESCH | UMA MULHER NEGRA NO JORNAL NACIONAL

19|02|2019 ÀS 08:15

Jornalista Maju Coutinho Em 50 anos que o Jornal Nacional está no ar (a comemoração, na verdade é em setembro), hoje, sábado, pela primeira vez uma mulher negra ocupa a bancada. Desde que seu nome foi anunciado como âncora do telejornal, Maria Júlia Coutinho, a Maju, virou noticia nas redes sociais. “Há uma carga simbólica que não pode ser negada. Mas deve-se lembrar de Zileide Silva no Jornal Hoje e Heraldo Pereira, no próprio JN” (os primeiros negros a apresentarem telejornais na Globo) afirmou Maju.

Quebrando barreiras 2

Consciente da exposição que a bancada do JN traz, a jornalista sabe que pode voltar a sofrer ataques racistas, como aconteceu em 2015 e que gerou uma campanha #SomosTodosMaju por parte de colegas. Ela garante que está blindada quanto a isso e se acontecer vai atrás dos responsáveis na Justiça. “Estou preparada porque sei do meu trabalho e conto com a confiança dos meus pais e da produção” assinalou.

“Minhocas na cabeça”

Se tem alguma coisa que o governo Bolsonaro faz com absoluta competência é abrir crises. Agora, a bola da vez é o ministro da Secretaria-Geral da Presidência, Gustavo Bebianno, que troca farpas com um dos filhos de Bolsonaro nas redes sociais. E Bebianno não alivia e dá o troco: “Não sou moleque e o presidente sabe. O presidente está com medo de receber algum respingo. Alguém botou minhocas na cabeça dele em relação a esse assunto”. O Secretário afirmou que falou com o presidente Bolsonaro via WhatsApp e superaram o caso que envolvia a utilização de laranjas pelo PSL como candidatos só para receber dinheiro público do Fundo Eleitoral. O vereador Carlos Bolsonaro (PSC-RJ) afirmou que era mentira, que o pai não tinha conversado com Bebianno de forma alguma. Especula-se que Bebianno caia antes do carnaval.

FGV debate Alagoas

Alagoas foi o assunto de um seminário realizado pela Fundação Getúlio Vargas, em sua sede no Rio de Janeiro. Com a presença do governador Renan Filho, o evento discutiu temas relativos ao desenvolvimento socioeconômico do Estado. Na oportunidade autoridades, especialistas e técnicos da FGV discutiram questões relacionadas a Saúde, Educação, Segurança Pública e Direitos Humanos. Também foi lançado o Caderno Técnico: “Alagoas: Caminhos para o futuro”.

Brigada contra o aborto

Uma Proposta de Emenda à Constituição (PEC) que proíbe a prática do aborto em qualquer situação, foi desengavetada no Senado, e voltará a ser discutida pelos senadores. O texto é de autoria do ex-senador Magno Malta (PR-ES), foi apresentado em 2015 e garante “a inviolabilidade da vida desde a concepção”. A matéria que foi arquivada, agora retorna à Comissão de Constituição e Justiça.

Brigada contra o aborto 2

Atualmente, a interrupção da gravidez só pode ser feita pelo Sistema Único de Saúde (SUS) nas 12 primeiras semanas, quando a mulher é vítima de violência sexual, se há risco para a mãe ou se o bebê não tem cérebro. Responsável pela coleta de assinaturas para desengavetar a proposta, o senador Eduardo Girão (Pode-CE) disse que a ideia é que o Senado defina os termos da lei, sem a interferência do Supremo Tribunal Federal (STF).

No gosto do passageiro

De acordo com a mais recente pesquisa elaborada pelo Ministério da Infraestrutura, o Aeroporto Internacional Zumbi dos Palmares foi considerado pelos passageiros como o melhor do Nordeste, alcançando 80% de notas acima de 4, consideradas excelentes. A avaliação é entre 1 a 5. O resultado corresponde ao quarto trimestre do ano passado.

  • Marcada para as 15h de hoje, a maior simulação de evacuação já realizada no estado de Alagoas. Serão cerca de 3 mil pessoas que deixarão suas residências no bairro do Pinheiro, como se uma catástrofe acontecesse.
  • Quatro pontos serão utilizados no simulado para onde a população deverá se dirigir: o terminal rodoviário do Sanatório (rua Belo Horizonte); a Casa Vieira (rua Tereza de Azevedo); a concessionária Hyundai (Avenida Fernandes Lima) e o Cepa.
  • Os moradores serão conduzidos por equipes da Polícia Militar, do Exército, da Defesa Civil e vários órgãos civis e militares, aos pontos de encontro.
  • O Exército utilizará 80 homens, mais 30 da Defesa Civil do município e 100 da estadual. A PM atuará com 4 guarnições do Batalhão de Trânsito, 4 do 4º Batalhão, 4 do Batalhão Escolar e duas da Radiopatrulha. O SAMU terá 4 unidades e o Corpo de Bombeiros terá 15 homens.

Fonte: Blog do Dresch

 

Facebook Comments

Artigos relacionados

Fechar