Brasil

PROCESSO DE ATIBAIA CHEGA AO TRF-4; DEFESA DE LULA PEDE ABSOLVIÇÃO

O processo sobre o sítio de Atibaia (SP), envolvendo Lula, chegou ao Tribunal Regional Federal da 4ª Região (RS); ao condenar o ex-presidente em primeira instância, a juíza Gabriela Hardt admitiu ter usado como base a sentença do triplex do Guarujá, feita pelo ex-juiz e atual ministro Sergio Moro (Justiça) | 16 DE MAIO DE 2019 | ÀS 11:53

Foto: Brasil 247

247 – O processo sobre o sítio de Atibaia (SP), envolvendo o ex-presidente Luiz Inácio Lula da silva, chegou na noite desta quarta-feira (15) ao Tribunal Regional Federal da 4ª Região, em Porto Alegre (RS), onde será julgado pelo 8ª Turma. Em fevereiro, Lula foi condenado na ação pela juíza federal substituta Gabriela Hardt em primeira instância jurídica. A magistrada admitiu ter usado como base a sentença do triplex do Guarujá, feita pelo ex-juiz e atual ministro da Justiça de Jair Bolsonaro, Sergio Moro.

Na última terça-feira (14), a defesa de Lula indicou no processo ainda na primeira instância que irá pedir a absolvição de seu cliente ao TRF-4. “Não se pode e não cabe cogitar de qualquer resolução do feito que não seja a decretação da absolvição do Apelado em relação a todas as imputações lançadas em seu desfavor”, escreveram os advogados.

Lula foi condenado sem provas no processo do triplex em Guarujá (SP), pois o próprio MPF confessou que não havia “prova cabal”. O ex-presidente foi acusado de ter recebido um apartamento da OAS como propina em troca de contratos entre a empresa e a Petrobras. Outra detalhe é que Lula nunca dormiu nem tinha a chave do apartamento. 

Fonte: Brasil 247

Facebook Comments

Artigos relacionados

Fechar