Home Alagoas Após audiência proposta por Marx Beltrão, Ministério da Saúde revoga portarias que prejudicam agentes comunitários

Após audiência proposta por Marx Beltrão, Ministério da Saúde revoga portarias que prejudicam agentes comunitários

Por ABN - ALAGOAS BRASIL NOTICIAS

Marx BeltraoApós o debate em audiência pública, promovido com apoio de requerimento de autoria do deputado federal Marx Beltrão (PMDB),  na Comissão de Seguridade Social e Família na semana passada, o Ministério da Saúde voltou atrás e revogou as portarias 958 e 959/16, que permitiam a contratação de outras categorias para fazer o trabalho dos agentes comunitários de saúde nas equipes de atenção básica.

“Os resultados da audiência pública surtiram efeitos. Defendo a categoria e sei da importância do trabalho executado na prevenção de doenças e na promoção de qualidade de vida de toda a população.  A luta por um sistema público de saúde eficiente é prioridade em meu trabalho”, ponderou o deputado Marx.

O parlamentar lembrou que viabilizou o trabalho junto com outros deputados da Comissão de Saúde, por meio de requerimento aprovado na comissão, com o foco no  debate para tratar da definição clara das funções da equipe multiprofissional que integra o programa Saúde da Família. 

Conforme dados, o Brasil possui 265 mil agentes comunitários trabalhando nos 26 estados e no Distrito Federal. A categoria atua visitando as casas de família, identificando os problemas de saúde e encaminhando os cidadãos que necessitam às unidades básicas de saúde.


Facebook Comments

você pode gostar

Deixe um Comentário