Home NotíciasEsportes CRB perde pênalti no final e sofre derrota de virada para o Vasco no Rei Pelé; 2 x 1

CRB perde pênalti no final e sofre derrota de virada para o Vasco no Rei Pelé; 2 x 1

Por Alagoas Brasil Noticias

Galo desperdiça grande oportunidade nos minutos finais e perde chance de voltar ao G4

CRB

Após o empate com o Paraná, o CRB teve mais uma difícil missão pela frente em Maceió. O time alvirrubro enfrentou o Vasco-RJ, líder do torneio, na tarde deste sábado, 25, às 16h30, no Estádio Rei Pelé, pela 12ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro. O confronto terminou com o placar de 2 x 1 para o Bacalhau. O Regatas abriu o marcador com Lúcio Maranhão aos 27′ do 1º tempo, mas logo em seguida, Leandrão deixou tudo igual para a equipe vascaína. No 2º tempo, Andrezinho fez gol olímpico e determinou a vitória do clube carioca. O Galo ainda perdeu um pênalti cobrado por Diego nos últimos instantes do duelo. A Rádio Pajuçara FM 103,7 Maceió e o portal TNH1 transmitiram a partida.

O time alagoano teve um bom início de jogo, com uma maior movimentação em busca de construir o resultado positivo. O clube sabia que a vitória significava o retorno ao grupo dos quatro primeiros colocados. Já o Gigante da Colina, que teria a liderança mantida mesmo com a derrota, tinha o objetivo de ampliar a vantagem para seus adversários na tabela. Lúcio Maranhão aproveitou um erro de passe entre os defensores cruzmaltinos e tocou a bola na saída de Martín Silva para abrir o placar. Mas logo na sequência, o centroavante Leandrão ganhou a disputa dentro da área regatiana e empatou o confronto. A primeira etapa terminou de forma equilibrada.

No segundo momento da partida, o Vasco-RJ começou mais incisivo, tentando incomodar o goleiro Juliano. Aos 12′, após um golaço de escanteio, o meia Andrezinho levou ao delírio a torcida vascaína presente no Estádio Rei Pelé. O jogador cobrou o tiro de canto com efeito e surpreendeu o arqueiro do Regatas, marcando um gol olímpico. O meia Gérson Magrão, que voltou de lesão, entrou no tempo final e puxou a maioria dos ataques alvirrubros. Nos últimos instantes, após um pênalti marcado em cima de Matheus Galdezani, Diego foi para a bola, porém o lateral cobrou mal e Martín Silva defendeu a última chance do Galo de conseguir a igualdade no marcador.

Com o resultado, o CRB caiu para o 6º lugar e permaneceu com os 19 pontos conquistados. Já o Vasco-RJ está mais líder do que nunca, onde alcançou os 28 pontos e abriu oito de vantagem para o primeiro clube fora do G4. O próximo desafio do Regatas será contra o Joinville-SC, na próxima terça-feira, 28, no interior de Santa Catarina. No mesmo dia, o Bacalhau encara o Paraná no Estádio de São Januário. 

O jogo

Primeiro tempo

Recebendo um bom público, o confronto começou com o Galo dando uma maior movimentação em busca do primeiro gol. Aos 12 minutos, o zagueiro Diego Jussani cobrou falta de longe e Martín Silva defendeu em dois lances. O Cruzmaltino respondeu em seguida, após escanteio cobrado por Nenê, Aislan desviou de cabeça, mas mandou a bola para a linha de fundo. Aos 15′, o meia Andrezinho escapou pelo meio e finalizou por cima da meta de Juliano.

O time regatiano teve uma chance clara aos 20 minutos de partida. O atacante Wellinton Júnior recebeu a bola dentro da área, limpou a jogada e chutou à esquerda de Martín Silva. Logo depois, Lúcio Maranhão foi lançado pela direita de ataque, o zagueiro Luan fez o corte e o jogador do Regatas caiu dentro da área reclamando de um pênalti, porém, o árbitro deu apenas escanteio.

Vivendo um bom momento no duelo, o CRB abriu o placar aos 27 minutos. Lúcio Maranhão aproveitou bobeira da zaga vascaína e tocou a bola na saída do goleiro uruguaio para fazer 1 x 0. Mas, o time alagoano não comemorou por muito tempo. Logo em seguida, aos 29′, o atacante Leandrão disputou a redonda dentro da área e chutou no canto esquerdo de Juliano para deixar tudo igual no Estádio Rei Pelé.

Veja o gol do CRB:

Confira o gol de empate do Vasco-RJ:

Após os gols, as equipes diminuíram o ritmo e o jogo ficou mais cadenciado no meio-campo. Aos 42′, Diego avançou pela esquerda e tocou rasteiro em direção ao volante Olívio, mas o camisa 5 chutou para fora das quatro linhas. Em resposta, Jorge Henrique finalizou de fora da área e Juliano colocou a bola para escanteio. Com um minuto de desconto, o árbitro Leandro Bizzio Marinho deu por encerrado o primeiro momento de futebol.

Segundo tempo

Logo no primeiro minuto do segundo tempo, Nenê levantou a bola dentro da área e Leandrão tocou de cabeça para a boa defesa de Juliano. Aos 3′, novamente o camisa 9 cruzmaltino chutou de longe e Juliano pegou a bola sem dar rebote. Leandrão vinha dando trabalho para a zaga alvirrubra. O Vasco-RJ teve um bom início de segunda etapa em busca da virada no placar. O Galo, por sua vez, não vinha encaixando seus ataques nos primeiros lances do tempo final.

A equipe regatiana quase desempatou o marcador aos 10 minutos com Flávio Boaventura. O lateral-esquerdo Diego cobrou falta próximo a linha de fundo, o zagueiro apareceu para cabecear, mas errou o alvo. Após a oportunidade perdida pelo CRB, o Gigante da Colina marcou o seu segundo gol. Aos 12′, Andrezinho cobrou escanteio com muito efeito pela esquerda e acertou de forma direta a meta regatiana, fazendo um gol olímpico no Estádio Rei Pelé. Com o golaço do camisa 7, o Bacalhau virou o duelo.

Veja o gol da virada do time carioca:

O técnico Mazola Júnior viu a necessidade de fazer as primeiras alterações e colocou Gérson Magrão e Assisinho em campo. Aos 24′, Matheus Galdezani experimentou de longe, Martín Silva espalmou, mas no rebote, Gérson Magrão rolou a bola para trás e Olívio não soube aproveitar a jogada. Logo depois, novamente Magrão chutou forte de fora da área e o goleiro uruguaio aparece para fazer outra boa defesa. O meia, que retorna de lesão, entrou bem no duelo e vinha criando as oportunidades do CRB.

A chuva começou a cair com mais intensidade e o Galo tentou pressionar o Vasco-RJ na segunda metade do tempo final. Em jogada de contra-ataque aos 30 minutos, Matheus Galdezani chutou com violência e novamente o arqueiro do Cruzmaltino defendeu, na sobra, Gérson Magrão finalizou para outra “defesaça” de Martín Silva, que vinha sendo um dos destaques da partida. Aos 36′, o meia Nenê viu Juliano adiantado e tentou balançar as redes do círculo central do meio-campo, porém não obteve sucesso e a bola saiu.

A maior chance do empate aconteceu aos 43 minutos. Matheus Galdezani recebeu a bola de Diego dentro da grande área, tentou a finta em Aislan, mas acabou sendo derrubado pelo zagueiro. O árbitro marcou pênalti após sinalização do seu auxiliar do lado do campo. Diego cobrou no canto esquerdo e Martín Silva voou para assegurar a defesa no penal. Momento frustrante para a torcida, que começou a deixar as arquibancadas do estádio. Foi a última oportunidade do jogo e o CRB tropeça mais uma vez em casa.

(Crédito: Pei Fon / Portal TNH1)

Ficha técnica

Campeonato Brasileiro – Série B (12ª rodada)

Jogo: CRB 1 x 2 Vasco-RJ

Gols: CRB (9-Lúcio Maranhão aos 27′ do 1T) e Vasco-RJ (9-Leandrão aos 29′ do 1T e 7-Andrezinho aos 12′ do 2T)

Local: Estádio Rei Pelé, Maceió/AL

Data: 25/06 (sábado)

Hora: 16h30

Árbitro: Leandro Bizzio Marinho (CBF-SP)

Auxiliar 1: Anderson José de Moraes Coelho (CBF-SP)

Auxiliar 2: Oberto Santos da Silva (CBF-PB)

CRB

1-Juliano

2-Bocão

3-Flávio Boaventura

4-Diego Jussani

6-Diego

5-Olívio

8-Matheus Galdezani

10-Dakson (17-Gérson Magrão aos 17′ do 2T)

7-Luidy (20-Roger Gaúcho aos 26′ do 2T)

11-Wellinton Júnior (19-Assisinho aos 15′ do 2T)

9-Lúcio Maranhão

Técnico: Mazola Júnior

Banco CRB: 12-Júlio César, 13-Marcos Martins, 14-Audálio, 15-Elton Lira, 16-Somália, 17-Gérson Magrão, 18-Eder, 19-Assisinho, 20-Roger Gaúcho, 21-Bruno Nascimento e 22-Rodolfo.

Vasco-RJ

1-Martín Silva

2-Madson (14-Yago Pikachu aos 31′ do 2T)

3-Aislan

4-Luan

6-Júlio César (16-Henrique aos 15′ do 2T)

5-Marcelo Mattos

8-Julio dos Santos

7-Andrezinho

10-Nenê

11-Jorge Henrique (17-Eder Luís aos 26′ do 2T)

9-Leandrão

Técnico: Jorginho

Banco Vasco-RJ: 12-Jordi, 13-Jomar, 14-Yago Pikachu, 15-Diguinho, 16-Henrique, 17-Eder Luís, 18-Caio Monteiro, 19-Thalles, 20-Fellype Gabriel, 21- Gabriel Félix e 22-Matheus Índio.

Classificação (fornecida por Sr. Goool):

C Participantes PG J V E D GP GC SG %A
 Vasco-RJ 28 12 9 1 2 22 11 11 77,8
 Ceará-CE 23 12 7 2 3 20 14 6 63,9
 Atlético Goianiense-GO 22 12 6 4 2 12 8 4 61,1
 Criciúma-SC 21 12 6 3 3 18 12 6 58,3
 Luverdense-MT 20 12 5 5 2 14 11 3 55,6
 CRB-AL 19 12 6 1 5 15 18 -3 52,8
 Brasil-RS 19 12 5 4 3 11 11 0 52,8
 Náutico-PE 18 12 5 3 4 22 12 10 50
 Bahia-BA 17 12 5 2 5 19 14 5 47,2
10º
 Paraná-PR 17 12 4 5 3 11 13 -2 47,2
11º
 Londrina-PR 16 12 4 4 4 10 10 0 44,4
12º
 Paysandu-PA 16 12 4 4 4 11 16 -5 44,4
13º
 Vila Nova-GO 14 12 4 2 6 16 16 0 38,9
14º
 Oeste-SP 13 11 3 4 4 10 12 -2 39,4
15º
 Goiás-GO 13 12 3 4 5 10 14 -4 36,1
16º
 Avaí-SC 11 11 3 2 6 11 13 -2 33,3
17º
 Joinville-SC 11 12 2 5 5 6 11 -5 30,6
18º
 Bragantino-SP 10 12 2 4 6 7 13 -6 27,8
19º
 Tupi-MG 8 11 2 2 7 11 13 -2 24,2
20º
 Sampaio Corrêa-MA 6 11 1 3 7 6 20 -14 18,2
VER GALERIA
1/31

Facebook Comments

você pode gostar

Deixe um Comentário