Home NotíciasPolicia Servente de pedreiro denuncia ex-prefeitos por ameaças e “jura de morte”

Servente de pedreiro denuncia ex-prefeitos por ameaças e “jura de morte”

Por Alagoas Brasil Noticias

Ao blog, Carlos Cassiano da Silva disse que foi cobrar o dinheiro pelos serviços prestados na fazenda da família dos ex-gestores.

pedreiro

Por conta de um serviço no valor de R$ 1.250 (mil duzentos e cinquenta reais), o servente de pedreiro Carlos Cassiano da Silva sofreu ameaças e “jura de morte” por parte dos ex-prefeitos de Tanque D’arca,  José Rubem Fonseca de Lima e  Manuel Valente (ambos do PP), respectivamente, pai e filho. 

Carlos Cassiano também fez um Boletim de Ocorrência na 5ª Delegacia Regional de Polícia (DRP, em Palmeira dos Índios, ontem, 08.

No BO, o servente relatou todo o fato acontecido no último domingo, 07, quando estava presente na Trilha do Cajá, evento que acontece todos os anos no município.  

Na denúncia também enviada ao blog, o servente de pedreiro disse que foi contratado para fazer uma reforma na fazenda da família dos ex-gestores. Cassiano explicou que foi cobrar pelo trabalho realizado na propriedade de Manuel Valente quando recebeu tais ameaças.  

“Trabalhamos uma semana normal. No sábado, ele não pagou e mandou procurar no domingo de manhã. Então, o filho dele que é o Manuel Valente me procurou e disse que o procurasse à tarde. Foi quando estava na trilha e ele me chamou para ir na academia. O Manuel me levantou e ameaçou. E o velho [ José Rubem]  jogou um copo de cerveja na minha cara e perguntou: Você está pensando o quê? Foi na hora que ele me levantou [pegou na beca da camisa] e me disse:  fale para morrer! Eles e o segurança deles. Os três vieram em cima de mim para me agredir”, denunciou o servente.  

Por fim,  Carlos Cassiano da Silva – temendo por sua vida – pede que a Justiça de Alagoas olhe para o caso dele. Após servir de empregado na residência da família Valente, o servente de pedreiro gostaria de receber pelos afazeres na fazenda dos políticos tanquenses.    

“Peço que a Justiça veja isso, que eu não sou um bandido não, sou um homem trabalhador. Não pode deixar impune não”, cobrou Carlos Cassiano.  

Atualmente, José Rubem (PP) é candidato a prefeito de Tanque D’arca na chapa com o filho e também ex-prefeito, Manuel Valente, como vice-prefeito. 

Em 2012  

Esta não é a primeira vez que o ex-prefeito José Rubem é denunciado na imprensa . Em 2012, Rubem foi à Justiça pedir para desabrigar mais de 30 famílias que residiam na COHAB III – no bairro de Santo Antônio. Em 2010, a Prefeitura de Tanque d’Arca desapropriou o terreno de 20 tarefas. As terras pertenciam à mãe do ex-prefeito que já faleceu.

Leia mais aqui: Ex-prefeito vai à Justiça pedir para desabrigar mais de 30 famílias em Tanque d’Arca 

O blog não conseguiu contato com os ex-prefeitos José Rubem Fonseca de Lima e  Manuel Valente para responder sobre as acusações.  

bletimImagem de Amostra do You Tube

Facebook Comments

você pode gostar

Deixe um Comentário