Home NotíciasPolicia Polícia apresenta presos envolvidos em assaltos a bancos no estado

Polícia apresenta presos envolvidos em assaltos a bancos no estado

Por Alagoas Brasil Noticias

Um deles foi preso após almoçar em restaurante japonês no bairro da Jatiúca, em Maceió

BANDIDOS

Carlos Vieira de Melo e José Alan Firmino. foto

Dois acusados de envolvimento de roubos a banco nos estados de Alagoas e Pernambuco foram apresentados pelo delegado titular da Seção de combate de Roubos a Bancos (Serb), Vinícius Ferrari, na tarde desta segunda-feira, 15, na Secretaria de Segurança Pública, Centro de Maceió

O primeiro apresentado foi José Alan Firmino, de 22 anos, chefe de quadrilha e acusado de explosão ao banco do Bradesco. De acordo com o delegado, José Alan era genro de Sérgio Roberto de Lima, mais conhecido como “Sérgio Bomba”, até então dono da quadrilha e que foi morto no dia 9 de junho deste ano durante troca de tiros com a polícia militar, em Piaçabuçu.

Leia mais: Acusado de assalto a banco morre em abordagem policial

Após a morte de Sérgio, José Alan virou o chefe do bando e iniciou novamente os assaltos a bancos. O acusado estava programando mais um roubo no município de Roteiro, em Alagoas, porém foi preso antes do ato.

Ainda segundo o delegado, ele seria o responsável por armar as bombas e provocar as explosões. A polícia cumpriu o mandado de prisão que estava em aberto contra o criminoso.

 

Foi também apresentado Carlos Vieira de Melo, 36 anos, conhecido como “Ligeirinho”, que também tem envolvimento em assaltos a bancos em Pernambuco e Alagoas e foi preso na sexta-feira, 12, em um restaurante japonês no bairro da Jatiúca, bairro nobre de Maceió.

O delegado Vinicius Ferrari disse na coletiva que Carlos utilizava maçarico para desativar câmera e alarmes dos bancos. O criminoso atuava em Pernambuco, mas fugiu do estado após aproximação da polícia.

Já em Alagoas, após ligação no disque-denúncia pelo 181, uma pessoa anônima informou onde o acusado morava. A polícia foi até o local, porém Carlos já havia se mudado.

Após algum tempo, policiais militares viram Carlos Vieira almoçando em um restaurante japonês no bairro da Jatiúca, em Maceió. Eles decidiram então acionar a inteligência da Polícia Civil e prenderam o assaltante na saída do estabelecimento.

Participaram da ação o Tático Integrado de Grupos de Repressão Social (Tigre) e agentes da Serb. Nenhum dos dois criminosos possuem ligações.

Ficha Suja

Por fim, Vinicius Ferrari informou que o acusado também possui envolvimento em um roubo ao GBarbosa da Serraria. O acusado estava roubando o caixa do estabelecimento, porém, antes da chegada da polícia, ele já tinha fugido do local.

Estiveram presentes o secretário de Segurança, coronel Lima Júnior, e o delegado da Serb, Vinícius Ferrari.

Facebook Comments

você pode gostar

Deixe um Comentário