Home Alagoas Condenado a 20 anos de prisão homem que matou patrulheiro federal em Alagoas

Condenado a 20 anos de prisão homem que matou patrulheiro federal em Alagoas

Por Alagoas Brasil Noticias

PRF

O réu Jeová Rodrigues de Lima, de 65 anos, foi condenado a 20 anos de prisão, nesta terça-feira(23), pela morte do patrulheiro federal Luís Gonzaga Pereira Santos. O agente de segurança foi morto em maio de 2015, quando fazia o registro de um acidente de trânsito na BR 423, em Canapi, interior de Alagoas.

Luiz Gonzaga foi morto a tiros, efetuados por Jeová, pai de uma das vítimas fatais no acidente, reveja: Patrulheiro da PRF é morto durante ocorrência no interior de Alagoas

PRF 3O réu foi condenado por homicídio triplamente qualificado e deve cumprir a reclusão inicialmente em regime fechado. O julgamento foi presidido pela juíza Camila Monteiro Pullin Milan, que negou o pedido da defesa de recorrer da pena em liberdade.

O júri aconteceu no fórum de Santana do Ipanema, mas a competência da presidência do júri foi da Justiça Federal, já que a vítima foi assassinada durante o cumprimento de suas funções como agente de segurança federal.

Jeová Rodrigues deve cumprir a pena no Presídio Ciridião Durval.

PRF 2

Leia também

PRF lamenta morte de patrulheiro que servia a mais de 35 anos

PRF 1

Facebook Comments

você pode gostar

Deixe um Comentário