Home NotíciasPolicia Mapa da Violência mostra 27 municípios entre os mais violentos do país

Mapa da Violência mostra 27 municípios entre os mais violentos do país

Por Alagoas Brasil Noticias

O novo Mapa da Violência divulgado anualmente pela Faculdade Latino-americana de Ciências Sociais (FLACSO) mostra que no ano de 2014 Alagoas teve a maior taxa de homicídios por arma de fogo. No estudo divulgado nesta quinta-feira (25) 27 municípios aparecem entre os 150 municípios do país com mais de 100 mil habitantes onde houve as maiores taxas médias de homicídios.

A cidade de Murici aparece na lista em segundo lugar com uma taxa média de 100,7 homicídios por arma de fogo por 100 mil habitantes. Em terceiro lugar aparece Satuba, com uma taxa de 95,5 homicídios por 100 mil habitantes.

A lista segue com Pilar em 6º lugar, com taxa de 92,5, Marechal Deodoro aparece em 11º, com 85,2 assassinatos, Rio Largo em 15º, com taxa de 80,5 homicídios, Arapiraca em 18º com taxa de 79,7 homicídios, Maceió aparece em 21º lugar com taxa de 77,2 homicídios.

A lista segue com Coruripe na 31º posição, com taxa de 66,7 homicídios, Santana do Ipanema em 38º lugaraq, com 64,1 mortes, Piaçabuçu em 39º lugar, com taxa de 63,9 homicídios, São José da Laje em 40º lugar, com 63,6 assassinatos, São Miguel dos Campos em 41º, com taxa média de 63,3, Joaquim Gomes em 45º, com 62,3, Viçosa em 63º com taxa de 56,5 homicídios por cada 100 mil habitantes, Atalaia em 72º lugar, com 54,8 assassinatos, seguido de Maribondo em 75º, com taxa de 53,8, Cajueiro em 76º, com 53,7 assassinatos, Palmeira dos Índios em 81º lugar, com 52,8 homicídios e Teotônio Vilela com 84º lugar, com taxa média de 52,6 homicídios.

No final da lista ainda aparecem Messias em 88º lugar, registrando uma média de 51,2 homicídios, União dos Palmares em 102º lugar, Branquinha em 103º posição, ambas com uma taxa de 50,0 homicídios, Olho D’Água das Flores em 124º lugar, com taxa de 47,2 homicídios, Major Isidoro em 133º lugar, com taxa de 45,8 homicídios e encerrando com Ibateguara em 141º posição, com taxa de 44,9 homicídios para cada 100 mil habitantes.

Veja aqui o estudo completo

A tabela foi feita com base em dados colhidos entre 2012 e 2014 e mostra a posição que os municípios brasileiros dentro desse conjunto ficariam.

Durante solenidade no Teatro Deodoro, na manhã de hoje, o governador comentou os números e também a reportagem exibida na noite desta quarta-feira (24) pelo programa Profissão Repórter, da Rede Globo, que apontou que Alagoas é o estado mais perigoso para a população negra.

“Não sei se o Caco Barcellos disse que fomos a única capital do Nordeste que reduziu a os números da violência. É um processo gradativo, no qual diminuímos a cada mês esses índices e no final do ano, teremos uma prova ainda mais clara disso”, disse.

Facebook Comments

você pode gostar

Deixe um Comentário