Home NotíciasEsportes CRB perde mais uma em casa, mas conta com a sorte e segue no G4 da Série B

CRB perde mais uma em casa, mas conta com a sorte e segue no G4 da Série B

Por Alagoas Brasil Noticias

Time falha novamente na defesa, sofre com expulsão, e Avaí faz 2×1 no Rei Pelé; concorrentes também tropeçam e rodada volta a ajudar o Galo

13-2

O CRB lutou, mas voltou a amargar derrota diante de sua torcida. Na noite desta terça-feira (13), pela 25ª rodada da Série B, o Galo entrou em campo para compromisso contra o Avaí-SC, no Estádio Rei Pelé. O time da casa abriu o marcador com apenas cinco minutos de jogo, balançando a rede em conclusão de Neto Baiano, mas teve o lateral Peri expulso e cedeu o empate ainda na primeira etapa, com o time catarinense virando o placar no tempo final, em falha grotesca do lateral Marcos Martins.

Veja como foi a partida em Tempo Real!

Esta é a segunda derrota consecutiva do Galo no Trapichão. Já são três jogos sem vencer, com o representante alagoano ainda a somar 38 pontos. E apesar do tropeço, o Galo segue no G4, já pela 13ª rodada seguida, graças ao empate entre Tupi-MG e Londrina-PR, além das derrotas de Bahia e Ceará – esta a mais surpreendente, para o lanterna Sampaio Corrêa-MA, em Fortaleza.

Porém, o Galo segue à frente de Londrina – que assumiu a 5ª posição – e Ceará apenas pelo número de vitórias (11×10). O Tricolor de Aço, por sua vez, estacionou nos 36 pontos, à frente do Vila Nova-GO pelo saldo de gols.

CRB 1×2 Avaí

Confira os gols da partida pela 25ª rodada do Brasileiro Série B 2016

Agora, o time do técnico Mazola Júnior começa a juntar os cacos para já iniciar a preparação visando à partida do próximo sábado, quando o Galo vai encarar o Sampaio, em São Luís. Para este duelo, o treinador regatiano também não terá o volante Olívio, que recebeu o terceiro cartão amarelo. Em compensação, o meio-campista Luidy, que esteve suspenso, volta a ficar à disposição da comissão técnica.

Lance do primeiro gol do Avaí, marcado em cobrança de falta

FOTO: DOUGLAS ARAÚJO/ASCOM CRB

 

O Avaí, por sua vez, chegou a 36 pontos com a vitória desta noite e já começa a se aproximar da zona de classificação, mantendo vivo o sonho de voltar a disputar a Série A no ano que vem. O próximo compromisso do Leão no Brasileiro também será às 16h deste sábado, contra o Londrina-PR, na Ressacada.

Gol e expulsão

O jogo começou eletrizante, com o Galo marcando logo aos cinco minutos, quando Marcos Martins cobrou escanteio da direita e viu Neto Baiano surgir entre os zagueiros para, de carrinho, balançar a rede do goleiro Renan e fazer a festa da torcida regatiana: 1×0.

A disputa seguiu equilibrada, mas era o Avaí quem chegava com mais perigo, criando duas boas chances, aos 12 e aos 22 minutos, com o atacante Rômulo. Em ambas, a bola passou muito perto do gol de Juliano.

Gerson Magrão não conseguiu evitar derrota regatiana

FOTO: DOUGLAS ARAÚJO/ASCOM CRB

Já aos 40 minutos, o Galo – que atuou com o lateral Diego na função do meia Luidy – quase marcou o segundo em cruzamento com efeito de Marcos Martins, mas Renan, atento, espalmou para escanteio, evitando o que seria o gol por cobertura. Porém, dois minutos depois, o lateral-esquerdo Peri cometeu falta na entrada da área e recebeu o segundo amarelo. 

Com um homem a menos, o Galo acabou punido aos 43. O meio-campista Renato foi para a cobrança da falta e tocou, com categoria, no canto esquerdo de Juliano, pegando o goleiro no contrapé. A bola encobriu a barreira e morreu no fundo da rede, calando o Trapichão: 1×1.

Galo tenta, mas falha consuma derrota

Porém, o Galo voltou disposto a buscar a vitória em casa no 2º tempo, criando ao menos três boas chances de assinalar mais um até os 32 minutos, quando Mazola Júnior já havia processado duas substituições: Bocão no lugar de Roger Gaúcho, e Zé Carlos na vaga de Neto Baiano. 

É que Marcos Martins, em lance bizarro, errou feio no recuo de bola para o goleiro. O atacante Lucas Coelho foi mais rápido e fez o domínio na cara do gol, tocando na saída de Juliano, para desespero do torcedor alvirrubro: 2×1.

Já aos 35, Mazola trocou Marcos – visivelmente abatido – pelo atacante Assisinho, com o Galo a tentar o empate, sem sucesso, já na base da vontade. Nos minutos finais, o Avaí fez apenas o bastante para administrar a grande vitória fora de casa.

Imagem de Amostra do You Tube

Facebook Comments

você pode gostar

Deixe um Comentário