Home Alagoas Safra 16/17 deve empregar 50 mil trabalhadores rurais

Safra 16/17 deve empregar 50 mil trabalhadores rurais

Por Alagoas Brasil Noticias
Cicero Domingos – Secretário de Assalariados da Fetag- Al 
cicero
A esperança de uma safra de crescimento no ciclo 16/17, anunciada por usinas e fornecedores de cana, também é compartilhada pelos trabalhadores rurais. Mas, segundo o secretário de Assalariados da Fetag-AL, Cícero Domingos, o número de postos de trabalho no campo não deve acompanhar o mesmo ritmo, permanecendo na faixa dos 50 mil trabalhadores.
“A oferta de emprego deve ser a mesma da safra passada. A cana está no campo para ser colhida e ela só pode ser cortada pelo trabalhador”, afirmou Domingos. 
De acordo com o dirigente sindical, apesar de haver uma expectativa de que ocorram mais contratações que o esperado, há usinas que estão tendo dificuldades para fazer os reparos da indústria para começar a moagem.
“Mesmo que algumas delas não entrem em funcionamento, elas vão acabar moendo em outra usina para fazer açúcar e vai precisar ter o trabalhador no campo para o corte da cana”, reforçou o secretário de Assalariados. 
Segundo ele, atualmente, na safra de cana do Estado, não são empregados todos os trabalhadores disponíveis no setor. “Estamos trabalhando para que as empresas possam empregar mais, aumentando suas moagens, gerando maior desenvolvimento para o setor”, reforçou.
A nova safra da cana está prevista para começar na próxima semana, dia 15, com a usina Santo Antonio abrindo o novo ciclo, sendo seguida para Camaragibe no dia 29 de agosto.
“Estas duas usinas juntas empregam, aproximadamente, sete mil trabalhadores rurais. As outras unidades a gente sabe que só irão começar a safra no fim de setembro”, finalizou Domingos.

Facebook Comments

você pode gostar

Deixe um Comentário