Home Agricultura Estado cumpre promessa e libera recurso não reembolsável à cooperativa

Estado cumpre promessa e libera recurso não reembolsável à cooperativa

Por Alagoas Brasil Noticias
Liberação foi compromisso firmado durante lançamento do Coopmais da Desenvolve.

cooperativa

Na manhã desta terça-feira (4), o Governo do Estado marcou positivamente, mais uma vez, a história da Cooperativa dos Pequenos Agricultores Organizados (Cooperagro), em Maragogi, ao cumprir uma promessa feita pelo governador Renan Filho em transferir recursos não reembolsáveis àquela entidade.

O compromisso foi honrado, na sede na entidade, em uma solenidade simples em que o presidente da Agência de Fomento de Alagoas (Desenvolve), Rafael Brito, junto ao presidente da Coopeagro, Geraldo Oliveira, assinaram o contrato de liberação do recurso no valor de R$ 126 mil.

A transferência feita pelo Estado com recursos do Fundo Estadual de Combate e Erradicação da Pobreza (Fecoep) ocorreu em atendimento a um pedido feito pela irmã Miriam Zendron, fundadora da cooperativa, durante o lançamento do Programa de Financiamento a Cooperativas e Associações Produtivas (Coopmais) pela Desenvolve, em maio deste ano, naquela localidade.

Segundo a fundadora, outras gestões passaram por lá e conheceram o trabalho da cooperativa, mas nunca estenderam a mão para auxiliar aqueles pequenos produtores de frutas. “Sempre sentimos orgulho do trabalho que desenvolvemos aqui, com muito carinho e dignidade pelas famílias que fazem parte da cooperativa, mas somos gratos que, pela primeira vez, um governador tenha reconhecido nosso esforço e nos aberto esta porta de oportunidade”, agradeceu irmã Miriam.

Para melhorar a produção de polpa de frutas e a qualidade de vida dos cooperados, o presidente da Coopeagro, Geraldo Oliveira disse que a Desenvolve, em atendimento à política implementada por Renan Filho de levar recursos a quem mais precisa, tem sido uma parceira sem precedentes para a ampliação dos trabalhos não só da sua, mas de incontáveis entidades associativas de Alagoas.

“Desenvolver um trabalho sério e voltado para quem está na base da economia, como esse que realizamos aqui em Maragogi, exige muita dedicação e força de vontade. Mas se não pudéssemos contar com o braço forte do Estado em uma parceria permanente, nunca conseguiríamos avançar em qualidade e quantidade”, argumentou Geraldo.

De acordo com ele, o recurso liberado hoje servirá para a modernização do maquinário da cooperativa, substituindo as máquinas existente e que já se tornaram obsoletas. Três novas máquinas ajudarão na melhoria dos trabalhos de beneficiamento das frutas: uma envasadora automática, um compressor de parafuso com secador integrado e um tanque de resfriamento para as polpas.

Segundo Rafael Brito a liberação é parte integrante de uma ação mais ampla que vem sendo desenvolvida para essa entidade, como para tantas outras. Outros recursos foram destinados antes, como na ocasião do lançamento do Coopmais, e outros ainda estão por vir diante da capacidade de organização e de transferência de qualidade de vida promovida pela Coopeagro.

“Nossa mobilização e as liberações concedidas pelo Governo do Estado através da Desenvolve tem sim o objetivo de melhoria econômica a quem recebe o recurso, mas, mais do que isso, se propõe a elevar a qualidade de vida, a dignidade, o valor humano e a pré-disposição que o povo alagoano tem de superar a crise e de soerguer-se perante as mais diversas situações”, afirmou Brito.

Coopeagro

A Coopeagro surgiu do projeto PEAGRO, criado em 7 de setembro de 2003, formada por pequenos agricultores do município de Maragogi. É uma entidade imbuída da ideia de que somente cooperando é que os trabalhadores podem melhorar sua situação, formando pequenos grupos de produtores que moram em assentamentos rurais de Maragogi.

A cooperativa atua no mercado de polpa de frutas, mel, castanha de cajú, leguminosas e frutas in natura. Conta, atualmente, com 70 sócios e um grupo de 120 famílias, gerando 12 empregos diretos e 20 indiretos.

Facebook Comments

você pode gostar

Deixe um Comentário