Home NotíciasEsportes Em jogo de 8 gols, CRB perde mais uma e cai para a 10ª posição na Série B

Em jogo de 8 gols, CRB perde mais uma e cai para a 10ª posição na Série B

Por Alagoas Brasil Noticias

Galo tem zagueiro Boa Ventura expulso, esboça reação com dois gols de Zé Carlos, mas sofre 5×3 do Paraná fora de casa.

parana

Teve de tudo em Curitiba, onde o CRB voltou a campo, na noite deste sábado (08), para mais um compromisso fora de casa pela Série B do Brasileiro. Contra o Paraná, o Galo não fez uma boa partida. Tomou quatro gols com 32 minutos de jogo no segundo tempo, teve jogador expulso, o zagueiro Flávio Boa Ventura, e esboçou reação ao marcar três, sendo dois do atacante Zé Carlos. Porém, já no acréscimos, sofreu o quinto e deixou o Durival Britto com derrota por 5×3.

Com este resultado, o Galo estacionou nos 43 pontos e perdeu uma posição: agora, é o 10º colocado, atrás do Bahia apenas pelo saldo de gols. O detalhe, porém, é que o Esquadrão de Aço ainda vai entrar em campo neste domingo, recebendo o Tupi-MG, que luta contra o rebaixamento, na Arena Fonte Nova, no encerramento da 30ª rodada.

Agora, o Galo já começa a voltar suas atenções para o duelo do próximo sábado (15), quando vai ao Rio de Janeiro encarar o vice-líder Vasco, em São Januário. O Paraná, por sua vez, foi a 36 pontos, mas segue em 15º lugar, ainda próximo da zona da degola, preparando-se para tentar mais um resultado positivo, desta vez fora de casa, também no sábado, contra o Joinville-SC.

Haja gol!

O Galo entrou em campo com muitas mudanças em relação à equipe que iniciou a partida contra o Atlético-GO, no Rei Pelé. O zagueiro Diego Jussani sequer foi relacionado, com a defesa sendo formada por Adalberto e Flávio Boa Ventura, enquanto Neto Baiano começou no lugar do também atacante Zé Carlos. 

Confira a cobertura da partida em Tempo Real!

Quando a bola rolou, o CRB deu a impressão de que faria um bom primeiro tempo, chegando com perigo logo aos 50 segundos de jogo, quando Neto cabeceou prensado e viu o goleiro Marcos fazer importante defesa, espalmando para escanteio.

Porém, não demorou muito e o Galo se viu preso à marcação. Sem imprimir velocidade, pouco criou para furar o bloqueio paranista, sendo punido aos 29 minutos. O meia Nadson cobrou escanteio e o zagueiro Alisson, no segundo andar, testou sem chance de defesa para Juliano: 1×0.

Meia Diego Tavares comemora o terceiro gol tricolor

Um minuto depois, o Paraná ainda acertou o travessão em cabeceio de Lúcio Flávio, ampliando a vantagem aos 43, em novo lance de bola parada. Nadson foi para cobrança de falta pela direita e mandou no primeiro pau. O volante Wellington Reis se antecipou aos zagueiros e, de carrinho, tocou no canto direito do goleiro: 2×0.

Como se não bastasse, antes de o árbitro encerrar a primeira etapa, o time da casa ainda marcou mais um, já aos 45, quando, em rápido contra-ataque, Karanga deu belo passe para Diego Tavares, que chutou forte, no canto esquerdo de Juliano: 3×0.

O Galo voltou com uma nova postura para o segundo tempo. Porém, ainda insatisfeito, Mazola trocou Luidy por Zé Carlos, além de Neto Baiano por Roger Gaúcho. Até que, aos 28 minutos, Flávio Boa Ventura escorregou e, na queda, tocou a redonda com a mão, recebendo o segundo amarelo. Com isso, o atacante Wellington Júnior deu lugar ao zagueiro Gabriel, na última mudança do CRB.

Para piorar a situação, quatro minutos depois, o Paraná ainda marcou o quarto, em chute de fora da área do volante Fernandes. No entanto, mesmo com um homem a menos, o Galo reagiu, com Zé Carlos e Adalberto. O atacante balançou a rede do goleiro tricolor em duas oportunidades, aos 36 e 39 minutos, enquanto o zagueiro, de cabeça, deixou sua marca aos 42.

Contudo, já aos 49, Gabriel pôs a mão na bola dentro da área e o árbitro paulista Marcelo Aparecido de Souza assinalou o pênalti. Nadson foi para a cobrança e chutou com categoria, deslocando Juliano e confirmando a vitória paranista: 5×3.

Imagem de Amostra do You Tube

Facebook Comments

você pode gostar

Deixe um Comentário