Home NotíciasPolicia PGE recomenda desconvocação de 150 concursados da PM com mais de 30 anos

PGE recomenda desconvocação de 150 concursados da PM com mais de 30 anos

Por Alagoas Brasil Noticias
   (Crédito: TNH1)

A Procuradoria Geral do Estado (PGE) recomendou a desconvocação de 150 policiais militares com mais de 30 anos, idade máxima permitida para ingresso na PM. A medida foi publicada no Diário Oficial do Estado no dia 19 de agosto e refere-se aos convocados pelo concurso público de 2012.

Um dos convocados, que preferiu não se identificar explicou que o edital do concurso previa que os interessados não poderiam ter acima de 30 anos no momento da inscrição. Em 2013, mil concursados foram chamados, restando apenas a reserva técnica.

No começo deste ano, o governo anunciou o restante da convocação, inclusive com a presença daqueles que já haviam ultrapassado 30 anos, e todos passaram pelo curso militar, que seria concluído na próxima quinta-feira, 13, com a formatura oficial.

Os dispensados, agora, irão reivindicar o direito de concluir a formação e ingressar na carreira militar com base no argumento de que cumpriram o que dizia o edital do concurso e que a idade foi ultrapassada por conta da demora da convocação.

Após uma reunião de representantes que tomaram a frente no processo, realizada na tarde desta segunda-feira, 10, foi decidido que um mandado de segurança será solicitado no Fórum do Tribunal de Justiça de Alagoas (TJ-AL) com pedido de liminar para que os alunos participem da formatura do curso.

A Polícia Militar informou, por meio de nota, que está solicitando uma nova análise do caso para o Gabinete Civil do Estado. “Os policiais, que excederam o limite máximo de idade para o ingresso na corporação, seguirão matriculados nos Cursos de Formação de Oficiais e Formação de Praças até que uma decisão seja oficializada”, declarou.

Facebook Comments

você pode gostar

Deixe um Comentário