Home NotíciasPolicia Policia ocupa Clima Bom para buscar corpo e desarticular guerra de gangues

Policia ocupa Clima Bom para buscar corpo e desarticular guerra de gangues

Por Alagoas Brasil Noticias

Pelo menos sete mortes já aconteceram desde início da disputa entre grupos

bom

Desde o início da tarde de hoje foi deflagrada uma operação a Secretaria de Estado da Segurança Pública (SSP-AL) no bairro do Clima Bom, em Maceió, para localizar um corpo e desarticular duas gangues rivais que estão em guerra pelo tráfico de drogas.

A disputa entre as gangues causaram pelo menos sete homicídios e levou a população local e de toda a Maceió a um estado de tensão e insegurança com incêndio de ônibus e supostas mensagens onde presidiários declaravam toque de recolher.

As primeiras informações sobre a operação, que segundo o coordenador da Delegacia de Homicídios (DH) da Capital, delegado Fábio Costa, não tem hora para acabar, dão conta que a polícia já achou um esconderijo pertencente a um dos grupos e que drogas e armas foram apreendidas.

Além das mortes e dos ônibus incendiados, os grupos estavam postando em redes sociais fotos com os integrantes de grupos rivais que eram mortos na guerra pelo tráfico.

Fabio Costa repetiu as palavras do secretário de Segurança Pública de Alagoas, coronel Lima Júnior, que em entrevista ao Cadaminuto assegurou que todos os envolvidos nestas mortes seriam presos e que a população do Clima Bom voltaria a ter um clima de tranquilidade.

Cronologia dos Homicídios

O Site Pagina181.com.br  fez uma cronologia de todos os crimes que aconteceram desde que a guerra foi deflagrada na sexta-feirra. Veja abaixo

Sexta-feira (14):  a vítima fatal foi João Daniel Almeida de Lima, 17, que foi executado na Rua Luiz Clemente Vasconcelos.

Sábado (15): a vítima foi o adolescente Vandilson Félix Bezerra Júnior, 17,  assassinado a tiros nas proximidades da Praça do Conjunto Osman Loureiro. Testemunhas disseram que dois homens se aproximaram da vítima e levaram sua corrente e em seguida atiraram na cabeça do jovem.

Domingo (16): mais um jovem foi executado a tiros. Desta vez a vítima foi Bismarck Pereira de Souza, 27, morto nas imediações do Conjunto Rosseane Collor.

Segunda-feira (17): mais três assassinatos foram cometidos no bairro.

Desta vez as vítimas foram Nadiel Alves Vieira, 24, assassinado na Travessa Nossa Senhora da Conceição. e  Gutemberg Gonçalves de Oliveira, 31, que tentou correr até cair baleado em um dos trechos da Rua Ivaldo Firino, onde morreu. Os dois conversavam nas proximidades da casa de uma das vítimas.

E na noite da segunda-feira, foi a vez do jovem Lucas Henrique Amaro, de 18 anos, que foi executado a tiros, nas proximidades da BR 316.

Terça-feira (18): Um jovem identificado apenas como “Jonathan” foi executado no final da manhã e teve o corpo jogado em uma mata nas proximidades do Conjunto Colibri. Segundo informes levantados pela polícia, a vítima teve participação direta nos homicídios que aconteceram no dia anterior. Era um dos traficantes de drogas da região.

Facebook Comments

você pode gostar

Deixe um Comentário