Anadia/AL

22 de outubro de 2021

Anadia/AL, 22 de outubro de 2021

Andrés pede para Corinthians contratar “dez bandidos do bem”

Por Alagoas Brasil Noticias

Em 21 de outubro de 2016

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on email
pede

pede

O ex-presidente corintiano Andrés Sanchez pediu nesta quinta-feira (20) para o Corinthians contratar “meia dúzia, dez bandidos do bem”. As declarações do ex-dirigente foram feitas em meio à irritação dos torcedores com o elenco que foi eliminado da Copa do Brasil. O Timão perdeu por 4 a 2 do Cruzeiro, na quarta-feira, no Mineirão.

“Time de futebol, principalmente o Corinthians, tem que ter uns bandidos, senão não vai”, afirmou Andrés à Rádio Bradesco FM. Para o ex-dirigente, os jogadores do atual elenco deveriam seguir o exemplo de vida do atacante Emerson Sheik, atualmente no Flamengo.

“O Rodriguinho chegou uma vez, não bêbado, de ressaca. Isso é normal. Quer time mais baladeiro que o de 2009, quando fomos campeões invictos do Paulistão e ganhamos a Copa do Brasil? Elias, Jorge Henrique, Cristian, Liedson, Souza, Ronaldo, Roberto Carlos”, recordou o ex-presidente do Corinthians
“O Rodriguinho chegou uma vez, não bêbado, de ressaca. Isso é normal. Quer time mais baladeiro que o de 2009, quando fomos campeões invictos do Paulistão e ganhamos a Copa do Brasil? Elias, Jorge Henrique, “O Corinthians tem de ter meia dúzia, dez bandidos do bem. O maior bandido que eu conheci foi o Emerson Sheik, mas era bandido do bem. Chegava e falava que no dia seguinte não jogaria. Se o time fosse campeão, dizia para não contar com ele por dois meses. É assim. Vou falar o quê? Foi campeão. Mas jogador que fica com a cabeça abaixada, quieto, é o que mais tem”, disse.

Ao defender o direito dos jogadores de irem às baladas, o ex-dirigente recordou que o meio-campista Rodriguinho se apresentou para treinar de ressaca em certa ocasião. “O Rodriguinho chegou uma vez, não bêbado, de ressaca. Isso é normal. Quer time mais baladeiro que o de 2009, quando fomos campeões invictos do Paulistão e ganhamos a Copa do Brasil? Elias, Jorge Henrique, Cristian, Liedson, Souza, Ronaldo, Roberto Carlos”, recordou.

No último domingo, em entrevista ao programa Mesa Redonda , da TV Gazeta , Andrés foi questionado se temia ser preso na Operação Lava Jato, que apura desvios milionários na Petrobrás e em contratos firmados por empreiteiras para a construção de obras públicas. A Arena de Itaquera, construída pela Odebrecht, já foi alvo da Polícia Federal neste ano.

“Eu? ser preso? Não cometi crime nenhum. Falam que serei preso faz oito anos”, respondeu o ex-dirigente, que se mostrou chateado com as suspeitas envolvendo a sua participação na construção do estádio. “É ridículo. Você não ganha nada como presidente. Tem decepções, perde mais amigos e é chamado de ladrão”, lamentou.

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter