Home Alagoas Operação Taturana: Justiça ouve réus e testemunhas na quarta-feira

Operação Taturana: Justiça ouve réus e testemunhas na quarta-feira

Por Alagoas Brasil Noticias

operacaotaturana-350x233

A audiência contra os envolvidos no desvio de quase R$300 milhões da Assembleia Legislativa de Alagoas, descoberto na Operação Taturana, será realizada a partir das 9 horas da quarta-feira, 16, no plenário do Tribunal de Justiça, no Centro.

Na audiência, serão ouvidos os réus e as testemunhas do processo. Segundo o Tribunal de Justiça, como o processo corre em segredo de justiça a imprensa não poderá ter acesso a sala de audiência.

A expectativa é que compareçam aos depoimentos dos deputados Antônio Albuquerque e Edval Gaia; Os ex-deputados Cícero Ferro, Nelito Gomes, Maurício Tavares e o conselheiro afastado do Tribunal de Contas, Cícero Amélio. Além deles, serão ouvidas 26 testemunhas arroladas pelo Ministério Público e, outras 11, pela defesa dos acusados.

De acordo com o MP/AL, há provas que estão sob segredo de justiça, a exemplo de extratos bancários e intercepções telefônicas. O MPE/AL entende ainda que, neste momento, é preciso agir com cautela para evitar arguição futura de eventual nulidade das oitivas que vão acontecer nesta quarta-feira.

Operação Taturana

A Operação Taturana, deflagrada em 2007 pela Polícia Federal, investigou desvios de quase R$ 300 milhões da Assembleia Legislativa de Alagoas (ALE) realizados por meio de empréstimos pessoais e fraudulentos. Durante esse período foram condenados os deputados: João Beltrão, Maria José Viana, Cícero Amélio, Paulo Fernando dos Santos (o Paulão), Manoel Gomes de Barros Filho (o Nelito Gomes), José Adalberto Cavalcante Silva, Arthur Lira, Celso Luiz Tenório Brandão e Cícero Almeida.

Facebook Comments

você pode gostar

Deixe um Comentário