Home NotíciasEsportes PRATTO NO PALMEIRAS PODE SER A SEGUNDA MAIOR NEGOCIAÇÃO DO FUTEBOL BRASILEIRO

PRATTO NO PALMEIRAS PODE SER A SEGUNDA MAIOR NEGOCIAÇÃO DO FUTEBOL BRASILEIRO

Por Alagoas Brasil Noticias

 

pratto

A Crefisa está disposta a investir no Palmeiras mais uma vez, agora, contratando o atacante argentino Lucas Pratto, destaque do Atlético-MG. A eleição de Maurício Galiotte para o cargo de presidente do clube estreitou ainda mais as relações dos donos da financeira com o Verdão.

O casal, que é fã declarado do atacante, está disposto a colaborar para a contratação de um grande jogador em 2017, mais ou menos nos moldes da chegada de Lucas Barrios. A Crefisa pagou o valor referente aos direitos econômicos e ainda deposita R$ 1 milhão por mês para que o clube pague os salários dele.

Para contratar Lucas Pratto, a Crefisa teria que investir algo em torno de 15 milhões de euros (R$ 53 milhões), que é o valor pedido pelo Atlético-MG para liberá-lo. E caso a negociação se confirme com esse montante, a contratação do argentino passaria a ser a segunda mais cara do futebol brasileiro – atrás apenas de Carlos Tevez, do Corinthians, em 2005. O jogador custou ao rival do Palmeiras cerca de R$ 60,5 milhões.

A possível negociação seria maior que a de Alexandre Pato, no Corinthians, em 2013, e Leandro Damião, no Santos, em 2014. Vale destacar que nenhum desses jogadores conseguiram se destacar em suas respectivas equipes.

A Crefisa, patrocinadora do clube, está disposta a investir até 15 milhões de euros (R$ 53 milhões) na contratação de um “atacante de peso” para 2017, e após o Palmeiras se assustar com os R$ 64 milhões pedidos pelo Atlético Nacional pelo Borja, Pratto seria o nome da vez.

O valor que a patrocinadora pretende investir é praticamente o mesmo que o Atlético-MG está pedindo para negociar o atacante no momento, mas a valorização que Pratto está ganhando com a seleção argentina pode aumentar esse valor.

Nesta semana as conversas pela contratação do jogador teve alguns avanços, mas segue indefinida e complicada.

Com Fred e a possibilidade de repatriar Diego Tradelli, o Atlético-MG até aceitaria negociar o jogador, mas a preferência é negociá-lo com o futebol estrangeiro para evitar “reforçar” rivais brasileiros.

O Palmeiras estuda oferecer alguns jogadores, além do dinheiro, para convencer o Atlético-MG. Nomes como Rafael Marques, Arouca e Allione, jogadores pouco utilizados por Cuca, seriam os mais cotados para deixar o Verdão em uma eventual negociação.

Facebook Comments

você pode gostar

Deixe um Comentário