maior trader de opções binárias forex trading with qual o horario de funcionamento de opçoes binarias iq op opções binárias uma entrada no dia opções binárias teoria plataformas para operar swing trade modal mais hackeando opções binárias da para operar day trader pelo celular estratégia 60 segundos opções binárias day trade investments op teck opçoes binarias estratégia para ganhar dinheiro com opções binárias professor de price action de opçoes binarias opçoes binarias em ações quais sao as estrategias para operar day trader estratégia de 60 segundos em opções binárias investir em trader profissional
Home NotíciasEsportes Cruzeiro vence Corinthians e tira rival da Libertadores

Cruzeiro vence Corinthians e tira rival da Libertadores

Por Alagoas Brasil Noticias
Meia deu duas assistências e fez um gol na vitória por 3 a 2 sobre o Timão
Robinho comemora o golaço que marcou na vitória de 3 a 2 do Cruzeiro sobre o Corinthians, no Mineirão

Não dá para reclamar da sorte. Mas uma vez os adversários ajudaram o Corinthians, mas ele mesmo, não. Precisando vencer e torcer por um tropeço de Atlético-PR ou Botafogo, o Timão esteve duas vezes na frente do placar, mas foi derrotado para o Cruzeiro neste domingo, no Mineirão, por 3 a 2. 

Depois de disputar seis das últimas sete Libertadores, a equipe paulista conseguiu a proeza de ficar fora do torneio sul-americano justamente no ano em que o Brasileirão ampliou o G4 para G6. A derrota para a Raposa na última rodada deixou o Alvinegro em sétimo, dois pontos atrás do Furacão, que empatou com o Flamengo. Já os mineiros, que chegaram a lutar contra o rebaixamento, terminam a competição no 13º lugar, garantindo vaga na Copa Sul-Americana de 2017.

O grande algoz corintiano neste domingo foi Robinho, autor de duas assistências e um gol. Porém, não foi o meia cruzeirense que deixou o Corinthians fora da Libertadores. Nem dá para dizer que a vaga escapou em Belo Horizonte. O Timão pagou pela venda de quase todo o time hexacampeão em 2015, por ter tido quatro técnicos no ano, pelos pontos desperdiçados na Arena, pela crise política que vive… 

E mesmo com todos os problemas o G6 esteve muito próximo. Mesmo tendo começado o jogo sendo pressionado pelos donos da casa, o Corinthians conseguiu abrir o placar aos sete minutos. Após escanteio, jogada ensaiada exaustivamente durante a semana, a Guilherme marcou.

Apesar de algumas dificuldades, o Timão se virava no campo ofensivo. O problema estava na defesa. A troca de passes entre Rafael Sóbis, Robinho e De Arrascaeta foi tão bonita que os zagueiros alvinegros decidiram só assistir ao gol de empate. 

No segundo tempo, Oswaldo de Oliveira ousou ao fazer duas substituições e empurrar Uendel da lateral para o meio de campo. No começo deu certo, com gol de Marlone, após bela trama de Fagner, melhor do clube no primeiro semestre, com Rodriguinho, o melhor do segundo. 

Entretanto, os erros na defesa voltaram a aparecer, sobretudo do lado esquerdo, onde o Corinthians havia mexido no intervalo. Foi por ali que Ezequiel empatou e Robinho virou.

Facebook Comments

você pode gostar

Deixe um Comentário