Anadia/AL

23 de outubro de 2021

Anadia/AL, 23 de outubro de 2021

Médicos cubanos chegam a Alagoas para atuar no Programa Mais Médicos

Por Alagoas Brasil Noticias

Em 17 de dezembro de 2016

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on email
medicocubano

Ao todo, 44 profissionais vão atender alagoanos em 34 municípios – Atualizado – 17/12/2016 – ABN – 19:07

medicocubano

Gestores da Secretaria de Estado da Saúde (Sesau) recepcionaram, nesta sexta-feira (16), no auditório do aeroporto internacional Zumbi dos Palmares, 44 médicos cubanos formados no exterior que vão atuar em 34 municípios alagoanos. Os profissionais são contratados pelo Programa Mais Médicos, do Governo Federal.

De acordo com a assessora técnica de Atendimento da Superintendência de Atenção à Saúde (SUAS) da Sesau, Heloísa Bandini, com a chegada desses profissionais no Estado haverá continuidade no atendimento já iniciado em municípios alagoanos com foco na atenção básica. Outros 72 médicos já passaram por Alagoas.

“Eles terão uma formação completamente voltada para Atenção Básica e isso será um ganho muito importante para a saúde pública estadual”, ressaltou, ao destacar que alguns profissionais já começam a trabalhar neste mês e, outros, em janeiro.

Entre os profissionais enviados pelo Mais Médicos que começarão a atuar no interior do Estado, está o cubano Idel Ruiz, de 28 anos, que se formou em Santo Espiritu, em Cuba, no final de 2013. Ele irá trabalhar no município de Inhapi. “Eu estou muito feliz de chegar ao Estado de Alagoas, com a finalidade de ajudar a população. Brindar meus conhecimentos com eles será de grande valia”, disse ele.

A solenidade contou ainda com a participação do superintendente de Atenção à Saúde da Sesau, Rogério Barbosa; do secretário-geral do Cosems (Conselho de Secretarias Municipais de Saúde de Alagoas), Clodoaldo Ferreira; da supervisora da Ciência e Tecnologia e Saúde da Gerência de Atenção Primária (GAP) da Sesau, Ivana Pita; oficiais da Marinha do Brasil, representando a Capitania dos Portos de Alagoas; e da responsável pela Referência Descentralizada do Ministério da Saúde (MS) para o programa Mais Médicos, Shirley Araújo.

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter