blue trade invest trader opçoes binarias urso vs touros opçoes binarias no metatrader 5 xm opções binárias qual é a quantidade mínima que a trader deve investir best forex trading strategy ever app.a2 trader.investimentos register annybeatriz forex trading forum uk quantos mil um trader opera plataformas para operar com trader segredo das opções binárias corretora de opções binárias 100 gratis corretoras de opções binárias no brasil opções binárias começando do zero melhors experts para opções binárias the best forex trading platform in australia treinamento opções binárias
Home Alagoas Praias da região metropolitana terão reforço de 30 salva-vidas durante o verão

Praias da região metropolitana terão reforço de 30 salva-vidas durante o verão

Por Alagoas Brasil Noticias

 

praia

Devido à chegada do verão e o consequente aumento no fluxo de banhistas, o Corpo de Bombeiros de Alagoas decidiu aumentar o número de salva-vidas nas praias do estado a partir desta quarta-feira (21), quando tem início a nova estação.

Segundo a corporação, as praias da região metropolitana devem contar com o reforço de 30 militares, distribuídos em seis postos fixos. A distribuição leva em consideração as estatísticas de ocorrências, as características do litoral e o número de banhistas.

“Haverá aumento do efetivo no Francês, na Barra Nova, no Pontal da Barra, na Jatiúca, emGuaxuma e na Sereia. Os locais com maior fluxo receberão o maior reforço”, explica o major Bruno Vieira, comandante do Grupamento de Salvamento Aquático.

Atualmente, os postos contam com um efetivo diário de 16 militares. A unidade que fica na praia do Francês é a que dispõe do maior número de salva-vidas: são cinco. “O quantitativo se deve ao número de turistas que visitam o local”, acrescenta.

De acordo com Bruno Vieira, o número de militares é suficiente para garantir a segurança dos banhistas e tem como base os atendimentos feitos pela própria corporação. “São as estatísticas que orientam a distribuição de salva-vidas pelo litoral”, pondera.

O militar recomenda que os banhistas busquem orientações com o Corpo de Bombeiros antes de entrar no mar em praias que nunca se banharam. Caso a praia não conte com um posto de salva-vida, é indicado que o banhista procure um morador da região.

“Há praias em que, tradicionalmente, não há registro de problemas, como a da Pajuçara, por exemplo. Além de praticamente não haver ondas, não há valões. Mas, caso o banhista vá para uma praia desconhecida, é indicado que busque orientação. Se não encontrar bombeiro ou morador local, que se banhe com água até a cintura”, conclui.

 

Facebook Comments

você pode gostar

Deixe um Comentário