tipos de operações swing trade mini indice trader btc investing vende opções binárias antes de finlizar operar no computador olimpa trade forex trading strategies ppt op teck opçoes binarias como investir em day trade sem precisar operar sma opções binarias how to add multiple pair into trading forex segredos das opções binarias como operar vendido na bolsa rico trader cursos opçoes binarias google drive porque opçoes binarias foi banido como chama a pessoa que trabalha como investido day trade custos para operar com olymp trade operações binárias day trade aprender sobre opções binárias tecnicas
Home Brasil Delação: Odebrecht comprou imóvel para Instituto Lula

Delação: Odebrecht comprou imóvel para Instituto Lula

Por Alagoas Brasil Noticias

Três ex-executivos da empreiteira afirmam que o terreno teria sido comprado em 2010

Três delatores da Odebrecht afirmaram em acordo de delação premiada que a empreiteira teria comprado um imóvel em 2010 para a construção da nova sede do Instituto Lula. Os ex-executivos que informaram às autoridades sobre a compra foram o ex-presidente da companhia, Marcelo Odebrecht, o ex-diretor de Relações Internacionais, Alexandrino Alencar, e o ex-diretor superintendente da Odebrecht Realizações Imobiliárias, Paulo Melo. As informações são da Folha de S.Paulo.

A compra do imóvel, localizado na Rua Dr. Haberbeck Brandão, 178, é o principal ponto da investigação contra o ex-presidente Lula. Ele é investigado sobre lavagem de dinheiro e corrupção passiva. Na última segunda-feira (19), o juiz Sérgio Moro aceitou a denúncia do Ministério Público contra Lula, que virou réu na Lava Jato. Esta ação faz com que o ex-presidente seja réu em cinco ações penais diferentes, sendo três delas na Lava Jato, uma na Operação Zelotes e outra na Operação Janus. 

O imóvel foi adquirido pela DAG Construtora e pago pela Odebrecht. A ideia era que outras grandes empresas ajudassem a construir o instituto, porém o projeto não saiu do papel e a nova sede nunca foi construída. Segundo a ação, foram encontrados papeis no sítio de Atibaia (SP) de Lula sobre uma construção no terreno suspostamente comprado pela Odebrecht.

Ao investigarem a planilha de pagamentos da empreiteira, consta o item “Prédio IL”. A denúncia também afirma que foi adquirido um apartamento vizinho à cobertura do prédio onde Lula mora em São Bernardo do Campo (SP). 

A assessoria de imprensa do Instituto disse, em nota, que não comenta as “supostas delações”. Além de Lula, a esposa do ex-presidente, Marisa, Marcelo Odebrecht e mais seis pessoas se tornaram réus na ação penal divulgada na última segunda.

Facebook Comments

você pode gostar

Deixe um Comentário