Home » A IMPORTÂNCIA DO SANTO SACRIFÍCIO DA SANTA MISSA AOS DOMINGOS – I PARTE

A IMPORTÂNCIA DO SANTO SACRIFÍCIO DA SANTA MISSA AOS DOMINGOS – I PARTE

Por Alagoas Brasil Noticias

Paroquia Nossa Senhora da Piedade – Anadia – Alagoas. Celebração Padre Niraldo José

Paráclitus – Adaptação – Carlos Alberto 

“A Missa é ao mesmo tempo e inseparavelmente o memorial sacrifical no qual se perpetua o sacrifício da Cruz, e o banquete sagrado da comunhão no corpo e no sangue do Senhor.

A mãe Igreja deseja ardentemente que todos os fiéis sejam levados àquela plena, consciente e ativa participação nas celebrações litúrgicas que a própria natureza da liturgia exige e à qual, por força do batismo o povo cristão, “geração escolhida, sacerdócio régio, gente santa, povo de conquista (1Pd 2, 9), tem direito e obrigação.” (SACRO SANTO CONCÍLIO; CIC 1141).

É o acontecimento central de toda a nossa fé, de importância única e singular, um momento de encontro pessoal com o próprio Deus que vem ao nosso meio por amor e misericórdia e se faz alimento para renovar-nos espiritualmente, para nos retirar das maquinações do mal, para dar sentido ao nosso caminho e busca de felicidade, para ser a vida que transborda e fonte de toda Santidade:

“Numa plena e ativa participação no Sacrifício Eucarístico e na vida litúrgica completa da Igreja, todo o povo encontra a primeira e indispensável fonte do verdadeiro espírito cristão.

Na Eucaristia encontra a força que o torna capaz de dar ao mundo o testemunho de vida.(JOÃO PAULO II).

“A felicidade que vocês procuram, a felicidade que têm o direito de saborear tem um nome, um rosto: o de Jesus de Nazaré, oculto na Eucaristia. Só Ele dá a plenitude de vida à humanidade”. BENTO XVI.

O primeiro passo para imitarmos Maria é termos intimidade com a Palavra. 

Tudo isso se torna o Santo Sacrifício da Missa, momento esse também em que nos tornamos uma oferta para o Pai, dando o que temos e somos também como sacrifício no altar, com o coração vazio de orgulho e dependente desta Santa comunhão, aonde Deus faz-se presença Sacramental em nosso meio e formamos assim, um só corpo, unindo-nos ainda mais aos mistérios que Ele revela apenas aos que ama.

Por isso caro católico, jamais permita que as apostasias e heresias protestantes adentrem seu coração e usurpem o amor pelo Santo Sacrifício perpetuado em cada Missa, defenda, viva intensamente e permita que os seus atos após o recebimento do Santíssimo Sacramento falem por si só.

Facebook Comments

você pode gostar

Deixe um Comentário