operando day trade pelo celular como posso investirem day trade como retirar investimento antes da vik trader sala de sinal de opções binárias segredos para operar olymp trade alavancagem segura opções binárias free forex trading course smart investment trade como operar 1 ponto no day trade estrategia 2m opçoes binaria marcos monteiro o segredo das opçoes binarias curso de operador day trade bibliografia mesa de operações day trade abrir mei para opções binárias como operar do zero na olymp trade wikipedia opções binárias investir em trader profissional
Home NotíciasSaúde Após cobrança do MPF, Uncisal encaminha hoje processo para contratação de servidores para Santa Mônica

Após cobrança do MPF, Uncisal encaminha hoje processo para contratação de servidores para Santa Mônica

Por Alagoas Brasil Noticias

A Universidade Estadual de Ciências da Saúde de Alagoas (Uncisal) informou que encaminhará nesta quinta-feira (26) o processo administrativo para a contratação de profissionais que vão atuar em leitos de UCI e UTI Neonatal da Maternidade Escola Santa Mônica.

A cobrança sobre a contratação dos profissionais tem sido feito pelo Ministério Público Federal em Alagoas (MPF/AL), que cobrou a contratação e que a situação seja solucionada. De acordo com a Uncisal, a abertura da UTI Neonatal exige a contratação de 228 profissionais, o que provoca um impacto financeiro anual de R$ 6,6 milhões nas contas do governo do Estado.

 O MPF/AL acompanha a situação da Maternidade Santa Mônica através do inquérito civil nº 1.11.000.000214/2015-31, instaurado em 2015. Para a procuradora da República Roberta Bomfim “a abertura desses leitos tem fundamental importância na assistência materno infantil do Estado de Alagoas, uma que vez que a Maternidade Escola Santa Mônica é referência para gestantes de alto risco e para bebês prematuros e também para os cardiopatas. Ademais, o Estado de Alagoas tem déficit de leitos de UTI Neo e é necessário que cumpra seu compromisso de avanço”.

Em nota, a a gestão da universidade ressalta que está empenhada em tornar realidade a contração dos profissionais e que, após parecer jurídico, foi viabilizada a substituição de cargos que estão em estado de vacância, cujas despesas totalizavam aproximadamente R$ 350 mil por mês.

Nesta quinta-feira (26), o processo administrativo será encaminhado para a Secretaria de Estado da Fazenda com as adequações solicitadas à universidade pela Procuradoria Geral do Estado (PGE) e, após análise de técnicos da pasta, o documento deve retornar para a PGE. Em seguida, o processo segue para o Gabinete Civil do Governo de Alagoas.

A Uncisal destaca que é a principal interessada na contratação de novos servidores e que, tão logo as nomeações aconteçam, a população alagoana será beneficiada com a ampliação dos serviços de uma equipe multidisciplinar.

Facebook Comments

você pode gostar

Deixe um Comentário