Home » MP Ensino Médio permitirá atuação de professor sem licenciatura

MP Ensino Médio permitirá atuação de professor sem licenciatura

Por Alagoas Brasil Noticias

ABN – Atualizado – 21:04 

A Medida Provisória que pretende reformular o Ensino Médio vai ser apreciada pelo Senado Federal durante o mês de fevereiro. Um dos diversos pontos que chamam a atenção no texto do projeto é a permissão para que profissionais sem curso de licenciatura possam dar aulas no ensino médio.

Relator do projeto ainda na Comissão Especial que analisava a Medida Provisória, antes da aprovação pela Câmara dos Deputados, o Senador Pedro Chaves, do PSC, mato-grossense explica como vai funcionar a medida.

“Estou permitindo desde que ele faça uma complementação pedagógica mínima de 360 horas. Então o engenheiro, por exemplo, ele é expert em física, química, matemática. E a legislação é muito exigente, quer que ele tenha um curso de pedagogia, que é 1400 horas. Nós queremos que ele faça uma complementação pedagógica”.

 

O presidente da Confederação Nacional dos Estabelecimentos de Ensino, a Confenen, Roberto Dornas concorda com a autorização, que segundo ele, permite que profissionais com notório saber possam dar aulas.

Roberto Dornas, presidente da Confederação Nacional dos Estabelecimentos de Ensino, “Ninguém melhor do que um médico para dizer sobre o corpo humano, sem dúvida. Ninguém melhor do que um bom advogado para dizer sobre Constituição, direitos constitucionais, deveres constitucionais etc. E quem, realmente, tem público e notório saber, tem público e notório saber em qualquer lugar, em qualquer hora. Se alguém é especialista, ou conhecedor de um determinado conteúdo, que ele se torne professor”.

O texto que será apreciado pelo Senado federal também altera as regras atuais para que o professor possa lecionar em um mesmo estabelecimento por mais de um turno, desde que não ultrapasse a jornada de trabalho semanal estabelecida legalmente.

Facebook Comments

você pode gostar

Deixe um Comentário