curso de trader em opções binárias do básico ao avançado origem opções binárias antigo o que e preciso investir para opcao binaria pocket opçoes binarias x significant trends in trade and investment in brazil 2016 como investir no trade genial investimento swing trader como todo mundo opera opçoes binarias como posso investirem day trade opçoes binarias na binomo forex trading books download operar vendido trader nadex opções binárias seja um trader opere com o dinheiro de terceiros corretoras de opções binárias que dão bônus planilha opções binária taxa swing trade terra investimento
Home Alagoas Ministério da Saúde confirma primeiro caso investigado de febre amarela em AL

Ministério da Saúde confirma primeiro caso investigado de febre amarela em AL

Por Alagoas Brasil Noticias
 

Resultado de imagem para dengue

Pelo menos um caso suspeito de febre amarela em Alagoas é investigado pelo Ministério da Saúde, de acordo com relatório divulgado nessa terça-feira (7). A informação foi repassada ao ministério pela Secretaria Estadual de Saúde (Sesau).

Até ontem, foram confirmados 195 casos da doença em todo o país. Ao todo, foram registrados 1.048 casos suspeitos, sendo que 777 permanecem em investigação e 76 foram descartados. Dos 163 óbitos notificados, 69 foram confirmados, 91 ainda são investigados e 3 foram descartados. Os estados de Minas Gerais, Espírito Santo, São Paulo, Bahia e Tocantins continuam com casos investigados e/ou confirmados.

Desde o início deste ano, o Ministério da Saúde tem enviado doses extras da vacina contra a febre amarela aos estados que estão registrando casos suspeitos da doença, além de outros localizados na divisa com áreas que tenham notificado casos.

No total, 9,8 milhões de doses extras foram enviadas para cinco estados: Minas Gerais (4,5 milhões), Espírito Santo (2,5 milhões), São Paulo (1,2 milhão), Bahia (900 mil) e Rio de Janeiro (700 mil). O quantitativo é um adicional às doses de rotina do Calendário Nacional de Vacinação, enviadas mensalmente aos estados.

RECURSOS

O Ministério da Saúde está liberando R$ 40 milhões aos municípios mais afetados pela febre amarela no país. Desse total, R$ 13,8 milhões serão destinados aos 256 municípios de cinco estados, como incentivo à vacinação da população contra a doença. Os municípios estão localizados nos estados de Minas Gerais, Espírito Santo, Rio de Janeiro, Bahia e São Paulo, que abrangem uma população estimada de 8,6 milhões de pessoas. O recurso foi definido a partir da estimativa da população a ser vacinada em cada município. O Ministério da Saúde também está adiantando outros R$ 26,3 milhões que representa 40% dos recursos de vigilância em saúde. Os valores deverão ser aplicados em ações de prevenção na área de vigilância para a febre amarela.

Além disso, o Ministério irá ressarcir os investimentos em infraestrutura para atendimento emergencial. A pasta custeará o aumento da assistência à febre amarela, como abertura de novos leitos clínicos, intensivos e semi-intensivos e atendimentos e serviços laboratoriais. Serão três meses de custeio, podendo ser renovados. Esse repasse será aprovado de acordo com a produção apresentada pelos gestores locais. 

DUAS DOSES

A vacinação de rotina é ofertada em 19 estados do país com recomendação para imunização. Todas as pessoas que vivem nesses locais devem tomar duas doses da vacina ao longo da vida. Também precisam se vacinar, neste momento, pessoas que vão viajar ou vivem nas regiões que estão registrando casos da doença: leste de Minas Gerais, oeste do Espírito Santo, noroeste do Rio de Janeiro e oeste da Bahia. Não há necessidade de corrida aos postos de saúde, já que há doses suficientes para atender as regiões com recomendação de vacinação.

Facebook Comments

você pode gostar

Deixe um Comentário