como operar em um minuto na olimp trade como operar day trade na fbs corretora de opções binárias de 30 segundos curso opções binárias drive day trading forex live horários opções binarias quero copiar sinais de opções binárias opçoes binarias fora do horario irrf sobre operações day trade como investir na bovespa trader montando uma planilha para opçoes binaria iq option opções binarias indicadores e estrategias gratis curso online de trader opções binárias quais indicadores para operar no swing trade como investir em acoes trader porque opções binárias entrou em otc na segunda feira opções binárias livro gratis
Home NotíciasPolitica MORO FARÁ AUDIÊNCIA CONTRA LULA NA DATA DA MISSA DE 7º DIA DE MARISA

MORO FARÁ AUDIÊNCIA CONTRA LULA NA DATA DA MISSA DE 7º DIA DE MARISA

Por Alagoas Brasil Noticias

A defesa do ex-presidente Lula pediu ao juiz Sérgio Moro o adiamento de audiências marcadas nos próximos 15 dias, a partir desta quinta-feira 9, em decorrência do falecimento da ex-primeira-dama Marisa Letícia.

O recurso traz o argumento de que, por motivos pessoais relevantes, está prejudicado o contato entre Lula e seus advogados, o que impede que a defesa possa se preparar para as audiências.

Moro indeferiu o pedido e fará audiência de instrução nesta quinta-feira 9, quando acontece a missa de sétimo dia de Dona Marisa. A esposa de Lula morreu na última sexta-feira, vítima de AVC provocado pelo rompimento de um aneurisma cerebral. No despacho, chamou o falecimento de Marisa de “trágico e lamentável acontecimento”.

O pedido foi feito na ação que acusa o ex-presidente de obter vantagens da construtora OAS, como o tríplex do Guarujá e reformas realizadas no apartamento. Nesta terça-feira 6, a OAS Empreendimentos informou a Moro não ter localizado qualquer contratação ou doação feita pela empresa a ex-presidentes da República, “tampouco para institutos ou fundações a eles relacionadas”.

A ação está na fase de audiências com testemunhas indicadas pela defesa de Lula. O juiz deu prazo de cinco dias para que o senador Renan Calheiros (PMDB-AL) escolha quando e como será ouvido, tendo sugerido que o parlamentar opte pelos dias 2, 7 e 15 de março (leia mais).

Facebook Comments

você pode gostar

Deixe um Comentário