Home » Imposição do PMDB faz mudar “xadrez político” na eleição da Uveal

Imposição do PMDB faz mudar “xadrez político” na eleição da Uveal

Por Alagoas Brasil Noticias

Saída de Anízio de Amorim, o Anizão (PMDB), da chapa “Nova Uveal”, dará espaço para Domício Júnior (PSL), de Jequiá da Praia, se tornar o candidato a presidente <> Por  Kléverson Levy <> Cada Minuto<> ABN <> Atualizado em 11/02/2017 ás 07:53

Domício Júnior (PSL) e Renildo Calheiros (PMDB) embalam a disputa pela Uveal

Desde que repercutiu a matéria – Ingerência de Renan Filho faz eleição da Uveal “pulverizar” – na quarta-feira, 09, aqui no blog, o xadrez político para eleição da União dos Vereadores de Alagoas (Uveal) ganhou novas peças.

Com a “briga” meio que interna dentro do partido do governador Renan Filho, o PMDB, a “pulverização” fez o bloco governista se espalhar cada vez mais. 

Na linha de frente, em favor do Palácio República dos Palmares, continua o nome Renildo Vasconcelos Calheiros Sobrinho, o Renildo Calheiros (PMDB), de Murici, e primo de Renan Filho, que fechou acordo – via Palácio – com o vereador de Coruripe, José Edson dos Santos, o Edinho (PMDB). 

Além do apoio do governador, óbvio, Renildo Sobrinho (de Calheiros) conta ainda com o afago  – politicamente falando –  do prefeito de Cacimbinhas e presidente da Associação dos Municípios Alagoanos (AMA), Hugo Wanderley (PMDB).

Por enquanto, ao que se sabe, o grupo dessa chapa é sim liderado pelo governador com chancela de Hugo Wanderley, resultando na dobradinha Renildo e Edinho. 

No outro lado, Anízio de Amorim, o Anizão (PMDB), também de Murici e aliado antigo da família Calheiros, deverá aceitar pressão do “chefe de Estado”, leia-se Renan Filho ou PMDB, para impulsionar sua candidatura – sabe-se lá quando – numa outra oportunidade. 

Anizão, entretanto, deverá atender ao pedido de Renan Filho pela unificação do partido no pleito que é dos vereadores alagoanos.

Nos bastidores, com a possível saída de Anizão, o escalado para manter a chapa “Nova Uveal” será Domício Júnior (PSL), de Jequiá da Praia. Com isso, reacenderá uma nova disputa sem que haja ingerência política do governador Renan Filho.  

Portanto, Anizão é (ou era) o principal personagem dessa novela que se arrasta desde o ano passado, antes de aspergir sua candidatura nos corredores do Palácio República dos Palmares, e diante de vários coadjuvantes no pleito da Uveal. 

Por outro lado, o resultado da disputa sinaliza para que apenas duas chapas – Renildo Sobrinho (de Calheiros) e confirmado o nome de Domício Júnior (da “Nova Uveal”) – concorram ao pleito. O grupo que se formou junto da dupla Anizão/Domício permanece unidos seja quem for o indicado, menos unir-se ao grupo Calheirista. 

Contudo, diante de tantas matérias escritas sobre Uveal e sem haver consenso para nome único, o pleito para o biênio 2017-2018 parece que ficará definido com um candidato do PMDB (Renildo) e outro do PSL (Domício).

Será?   

Ressalte-se: o PSDB – que detém mais de 70 vereadores – também abriu diálogo para não deixar que o partido Calheirista domine mais uma entidade em Alagoas. 

Facebook Comments

você pode gostar

Deixe um Comentário