Home » Mulher é queimada viva por suposto pastor da Assembleia de Deus

Mulher é queimada viva por suposto pastor da Assembleia de Deus

Por Alagoas Brasil Noticias

De acordo com os familiares da vítima, Vilma Trujillo García, de 25 anos, foi jogada em uma fogueira sob a acusação de estar ‘possuída’ <> Atualizado <> ABN ás 16:49

Uma mulher vítima de um ataque religioso morreu, nesta terça-feira (28), em um hospital em Nicarágua após não suportar as queimaduras em todo o corpo.

De acordo com os familiares da vítima, Vilma Trujillo García, de 25 anos, foi jogada em uma fogueira sob a acusação de estar “possuída”.

A jovem, de acordo com a mídia local, teria sido submetida a um ritual por Juan Gregorio Rocha Romero, que se fazia passar por pastor da Igreja da Assembleia de Deus.

No entanto, o presidente da Assembleia de Deus, Rafael Arista, negou ao Canal 15 de Manágua que Romero fosse membro de sua congregação e rejeitou qualquer vínculo com o crime.Reynaldo Peralta Rodriguez a sair da morgue com o caixão da sua mulher, Vilma Trujillo
Segundo informações da EFE, a Polícia Nacional prendeu Romero e mais quatro supostos cúmplices.

O crime aconteceu na comunidade rural de El Cortezal, no município de Rosita, na Região Autônoma Caribe Norte (RACN), no nordeste da Nicarágua.

Facebook Comments

você pode gostar

Deixe um Comentário