Home NotíciasSaúde Serviço de Atendimento Domiciliar já funciona em treze municípios alagoanos

Serviço de Atendimento Domiciliar já funciona em treze municípios alagoanos

Por Alagoas Brasil Noticias

O Serviço de Atendimento Domiciliar (SAD) já está em funcionamento nas cidades de Atalaia, Arapiraca, Campo Alegre, Girau do Ponciano, Junqueiro, Maceió, Marechal Deodoro, Palmeira dos Índios, Santana do Ipanema, São Miguel dos Campos, Teotônio Vilela, União dos Palmares e Viçosa.

O programa tem como foco o atendimento a pacientes que estão em condições estáveis, mas necessitam de uma atenção especializada e podem receber a assistência em suas próprias residências, sem que necessitem estar hospitalizados.

Até o final deste ano, de acordo com cronograma elaborado pela Secretaria de Estado da Saúde (Sesau), o Serviço de Atendimento Domiciliar deve ser expandido para todos os municípios alagoanos que possuem mais de 40 mil habitantes. Para isso, a equipe técnica da Sesau está preparada para prestar assistência e orientação aos municípios.

Carla CletoAline Moraes

“Com a implantação do Serviço de Atenção Domiciliar, o paciente pode ser encaminhado para sua residência, onde será acompanhado por uma equipe multidisciplinar da Secretaria de Saúde do Município. Para isso, a gestão estadual de saúde trabalha para prestar assistência técnica e estimular a implantação do serviço”, explicou a responsável técnica pelo SAD na Sesau, Aline Moraes.

Estrutura – As equipes que atuam nas residências são formadas por médicos, enfermeiros e técnicos de enfermagem, além de outros profissionais, conforme a necessidade. O paciente é avaliado por uma equipe médica que entra em contato com os representantes do SAD de cada município.

“O SAD é importante, pois diminui a institucionalização do paciente, aumentando seu conforto e, ao mesmo tempo, liberando leitos hospitalares que podem ajudar outras pessoas”, destacou Aline Morais. Ela reforça que este serviço é importante, porque assegura que os pacientes fiquem próximos de seus familiares, representando uma ação de humanização, como preconiza o Sistema Único de Saúde (SUS).

Facebook Comments

você pode gostar

Deixe um Comentário