Home NotíciasPolicia Polícia pede prisão de falsa advogada que aplicava “golpe do precatório” em Alagoas

Polícia pede prisão de falsa advogada que aplicava “golpe do precatório” em Alagoas

Por Alagoas Brasil Noticias

A delegada Tereza Ramos, do 8º Distrito da Capital, pediu à Justiça a prisão preventiva de uma mulher de 48 anos, suspeita de crime de estelionato.

Ela se passava por advogada e convencia as vítimas a lhe dar uma antecipação em dinheiro, que variava em torno dos R$ 1 mil, para que conseguisse a liberação de precatórios do Estado e das diferenças do Plano Bresser.

Somente no 8º DP a falsa advogada está indiciada em quatro inquéritos, e a polícia sabe que muita gente caiu no golpe, em Maceió.

Uma das vítimas, V. S. M., conta que trabalha na Secretaria da Saúde e soube que a acusada tinha escritório no Edifício Harmony, no bairro de Ponta Verde, e estaria agilizando o recebimento de precatórios.

O marido dela, P. V. F., funcionário da Eletrobras, tinha um dinheiro a receber do Plano Bresser, e chegou a pagar R$ 1.300, mas até hoje nada foi feito. Ela também pagou para receber precatórios, e garante que várias colegas de secretaria também caíram no golpe.

A polícia descobriu que a mulher, na verdade, não é advogada e sumiu, depois das denúncias feitas por suas vítimas. O escritório do edifício Harmony nunca existiu.

V. M. S. F. – outra vítima -, ao prestar depoimento na delegacia, relatou que também pagou R$ 1.300 à falsa advogada, que envolvia nomes de juízes, promotores de Justiça e até desembargadores, como possíveis pessoas que facilitariam a liberação dos precatórios.

Segundo ela, a suspeita sempre lhe pedia que indicasse mais alguém que tivesse precatório a receber. Recorda ainda que a falsa advogada disse que ela precisava de um atestado médico, informando um problema de saúde, como câncer já em fase terminal, para que o dinheiro saísse mais rápido.

A delegada já indiciou a mulher pelo crime de estelionato (Art. 171, da Lei 2.848/40 – Código Penal).

Facebook Comments

você pode gostar

Deixe um Comentário