Home PLANTÃO DE NOTÍCIAS Suspeita de atear fogo no pai disse que estava sob efeito de álcool, diz delegado

Suspeita de atear fogo no pai disse que estava sob efeito de álcool, diz delegado

Por Alagoas Brasil Noticias

Por Natália Cerqueira* 19|12|2017

Alice dos Santos Assis, de 21 anos, presa na manhã desta segunda-feira (18) acusada de atear fogo no corpo do pai Arnaldo de Assis, de 45 anos, estava supostamente sob efeito de álcool. O crime aconteceu na noite de ontem (17), no bairro Torrão, no município de Pilar.

De acordo com o delegado José Carlos, Alice confessou que ingeriu bebida alcoólica pouco antes de praticar o crime. Ela também informou que no último sábado (16) os dois teriam tido uma discussão séria.

Durante o depoimento, a suspeita disse que tinha um péssimo relacionamento com a vítima. “Alice disse que o pai estava sentado em uma cadeira de balanço, quando ela chegou jogou álcool e ateou fogo”, disse José Carlos.

A suspeita contou ao delegado que na hora se arrependeu do crime e pediu ajuda. “Alice disse ainda que chegou a pedir perdão ao pai, mas que no momento ele fez sinal negativo com a cabeça, afirmando que não a perdoava” relatou o delegado. Arnaldo de Assis chegou a ser socorrido por vizinhos e levado para o Hospital Geral do Estado (HGE), mas não resistiu aos ferimentos.

Ainda não há informações sobre a motivação do crime.

A suspeita foi presa e conduzida à sede do 23º DP, onde foi autuada por homicídio qualificado, e está à disposição da Justiça.

Facebook Comments

você pode gostar

Deixe um Comentário