Home NotíciasEsportes Quem será o campeão? CRB e CSA decidem Campeonato Alagoano nesta tarde

Quem será o campeão? CRB e CSA decidem Campeonato Alagoano nesta tarde

Por Alagoas Brasil Noticias

Tetra ou quebra de jejum? O campeão alagoano 2018 será conhecido neste domingo (8). Protagonistas do Clássico das Multidões, CRB e CSA medem forças no Estádio Rei Pelé, em Maceió, a partir das 16h. O Portal TNH1, a TV Pajuçara e a Rádio Pajuçara FM Maceió – 1037 acompanham todos os detalhes antes, durante e depois da partida. 

PUBLICIDADE

Essa é a sétima final consecutiva do CRB no Estadual, marca impressionante nos últimos anos. O Alvirrubro só não levantou o troféu em 2014, quando perdeu para o Coruripe. 

Do outro lado, o maior campeão do Estado está há 10 anos sem gritar “É campeão!” no Campeonato Alagoano. Com 37 títulos no currículo, o CSA tem que vencer por dois ou mais gols de diferença para ser campeão no tempo normal. Se devolver a vitória por um gol de diferença, o time marujo leva a decisão para os pênaltis.  


Quem fica com a taça do Campeonato Alagoano 2018? (Foto: Divulgação / FAF)

O que vale?

Além da taça de campeão estadual, a decisão desta tarde vale a vaga na Copa do Nordeste 2019. Por ranking, o CRB está garantido pelo menos na fase preliminar da competição. Isso acontece porque o Galo é o clube alagoano melhor posicionado no ranking da CBF. O CSA só vai para o Nordestão se conquistar o título. Caso contrário, quem pega a vaga na fase preliminar é o ASA, segundo melhor clube alagoano posicionado no ranking. Os dois finalistas estão garantidos na Copa do Brasil 2019. 

CRB

Mazola Jr. não conta com o lateral-esquerdo Diego, suspenso pelo terceiro cartão amarelo. O treinador escondeu o jogo e não revelou se vai escalar Manoel, que é o reserva imediato, ou se vai improvisar o lateral-direito Edson Ratinho ou o volante Juliano na posição. Substituído por lesão no domingo passado, o zagueiro Flávio Boaventura é dúvida. Caso Boaventura não tenha condição, Everton Sena ganha a vaga. O restante da equipe que venceu a primeira final deve ser mantida.


Esse foi o time escalado por Mazola na primeira final (Foto: Pei Fon / Portal TNH1)

O Galo deve ir a campo com João Carlos; Ayrton, Flávio Boaventura (Everton Sena), Anderson Conceição e Manoel (Ratinho/Juliano); Feijão, Willians Fernandes, Edson Ratinho, Leílson e Willians Santana; Neto Baiano. 

CSA

Marcelo Cabo não tem baixas para a decisão. Diante da seca de gols do ataque azulino, Cabo deve trocar Josimar por Michel, que se recuperou de uma torção no tornozelo direito.


Azulão entrou em campo com essa formação no domingo passado (Foto: Pei Fon / Portal TNH1)

A tendência é que o Azulão seja escalado com Cajuru; Celsinho (Lennon), Leandro Souza, Xandão e Rafinha; Yuri, Boquita, Didira, Daniel Costa e Echeverría; Michel. 

Arbitragem

Árbitro: Wilton Pereira Sampaio (FIFA/GO);
Assistentes: Bruno Boschilia (FIFA/PR) e Bruno Rafael Pires (FIFA/GO);
Quarta árbitra: Rejane Caetano da Silva (FIFA/RJ).


Wilton Pereira Sampaio apitou as finais do clássico alagoano em 2013 e em 2016 
(Foto: Pei Fon / Portal TNH1).

Fonte: TNH1

PUBLICIDADE

Facebook Comments

você pode gostar

Deixe um Comentário