Home Municípios Passageiros comemoram a retirada das catracas duplas dos ônibus de Maceió

Passageiros comemoram a retirada das catracas duplas dos ônibus de Maceió

Por Alagoas Brasil Noticias

As catracas duplas, popularmente conhecidas como “gaiolão”, instaladas no ônibus de Maceió, serão, em breve, retiradas. Os vereadores da capital vêm tomando medidas sobre o transporte público e derrubaram, por unanimidade, o veto ao Projeto de Lei, de autoria do vereador Silvânio Barbosa, determinando assim a volta das catracas convencionais.

Polêmicas e vista por muitos passageiros como um constrangimento desnecessário, os “gaiolões” foram implantados com a ideia de inibir assaltos e evitar que alguns passageiros passem sem pagar passagem. O anúncio da remoção do equipamento causou satisfação entre os usuários.

A estudante Juliana Maria afirma estar aliviada com a retirada dos gaiolões, pois vivia um “constrangimento” diário ao usar o transporte público.

“Tenho 18 anos e sou gordinha. Sempre que vou passar é um constrangimento. Muitas vezes fico presa e tenho que ter ajudar para passar por elas. Sem contar que os passageiros ficam olhando e às vezes em que pedi para entrar pelos fundos. Sou a favor da retirada e prefiro as catracas tradicionais”, salientou a estudante.

As catracas altas foram implantadas em 2017. Na época, as reclamações de passageiros eram constantes o que parece não ter mudado muito. Nas redes sociais e dentro do coletivos, usuários comemoraram a remoção do equipamento.

“Diariamente ouço reclamações dos passageiros, isso é constante e desde a instalação das catracas. Quase todos reclamam que é apertada, que machuca, que é um constrangimento. Desde que anunciaram a retirada, ouço comentários aliviados dos passageiros”, contou um cobrador, que pediu para não ser identificado.

Há também passageiros que lamentam a retirada do equipamento por acreditar que o mesmo transmite mais segurança.

Para a professora Claúdia Teixeira, apesar das catracas terem gerado um incomodo no início, ela firma estar acostumada e teme que com a remoção do equipamento o número de assaltos, que segundo ela diminuiu, volte a aumentar.

“Fiquei preocupada! Uso ônibus todos os dias, e, a meu ver, as catracas altas inibem um pouco os criminosos. Muitas vezes presenciei assaltos dentro do coletivo, mas desde que elas foram instaladas não vi mais nenhum. Admito que elas são desconfortáveis e apertadas, que muitos não conseguem passar, mas acredito que ela passam mais segurança”, declarou a professora.

Com a decisão dos vereadores, o prefeito Rui Palmeira tem até 15 dias para sancionar a lei. Após este prazo, a lei poderá ser promulgada pelo presidente da Câmara de Maceió, o vereador Kelman Vieira (PSDB).

Entre as medidas aprovadas sobre transporte público pelos vereadores, está a implantação de um botão de pânico e a definição do valor da passagem de ônibus.

Fonte: Cada Minuto

 

Facebook Comments

você pode gostar

Deixe um Comentário