forex trading in america fnb forex trading opções binárias prevendo o gráfico para amanhã opcoes binarias investimento como operar com opções binárias investimentos e trade center forex trading liverpool quero pagar um trader para operar pra mim quantos jogos operar por dia com trader duarte opções binárias hilow qual a diferença de opções binárias resultado operações day trade no webchart qual o melhor turno para se operar em opções binárias opções binárias notícias opções binárias passos por etapas guia para ganhar dinheiro pdf day trade ao vivo ativa investimentos simple daily forex trading system
Home NotíciasPolitica Comissão do Senado analisa transparência em planos de TV, telefone e internet

Comissão do Senado analisa transparência em planos de TV, telefone e internet

Por Alagoas Brasil Noticias

Projeto de lei encontra-se tramitando no Senado Federal

FOTO: MARCOS OLIVEIRA/AGÊNCIA SENADO

Empresas que prestam serviços de telecomunicações, como telefonia, internet e televisão paga, poderão ser obrigadas a apresentar as informações técnicas e de preços de uma maneira que facilite a compreensão pelo usuário. O projeto que trata do assunto (PLS 662/2011) está na pauta da reunião desta terça-feira (22) da Comissão de Ciência, Tecnologia, Inovação, Comunicação e Informática (CCT), marcada para as 14h30.

Da senadora Ângela Portela (PDT-RR), o projeto altera a Lei Geral de Telecomunicações (Lei 9.472/1997) e delega à Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) a competência para classificar e organizar a oferta dos planos e preços dos serviços prestados. A intenção, explica a senadora, é facilitar a compreensão, a comparação e a seleção do produto mais adequado ao perfil de cada usuário.

PUBLICIDADE

 O projeto classifica como condutas prejudiciais à concorrência a omissão de informações técnicas e de preços, bem como a oferta de serviços em formato que dificulte a comparação com outras alternativas do mercado. Também será da Anatel a responsabilidade de fazer recomendações às empresas quando houver solicitação de entidade de defesa do consumidor.
 

O relator, senador Paulo Rocha (PT-PA), sugere a aprovação do projeto apenas com uma emenda de redação, sem as mudanças aprovadas antes pela Comissão de Transparência, Governança, Fiscalização e Controle e Defesa do Consumidor (CTFC). Na avaliação do senador, as emendas descaracterizariam o texto. Como tramita em caráter terminativo, a matéria seguirá direto para a análise da Câmara de Deputados em caso de aprovação, salvo se houver recurso para o Plenário.

Celulares

Na mesma reunião, a CCT poderá votar a proposta que destina verbas do Fundo Penitenciário Nacional (Funpen) para a instalação e manutenção de equipamentos de bloqueio de sinais de celulares nos presídios (PLS 285/2017) e uma série de projetos de outorga e renovação de outorga de rádios.

Fonte: Gazeta web

 

PUBLICIDADE

Facebook Comments

você pode gostar

Deixe um Comentário