day trade letra do mes de outubro para operar simulando day trade custos operação como funciona o pagamento em opções binárias cursos opcoes binarias quanto custa um contrato pra operar no day trade prop trading usa forex melhores e piores horarios para operar na olymp trade opções binárias você perde dinheiro estudar opcoes binarias o que opções binarias melhores operadora de trade no exterior mercado financeiro opções binárias aprender a investir opções binarias copiar traders opções binarias scalper trade escolher o ativo certo para operar forex trading ferramentas como declarar imposto de renda 2018 operações day trade
Home Brasil Líder dos caminhoneiros desafia governo: ‘Vai correr sangue’

Líder dos caminhoneiros desafia governo: ‘Vai correr sangue’

Por Alagoas Brasil Noticias

Presidente Michel Temer acionou as forças federais para a liberação das rodovias bloqueadas em todo o país

FOTO: REUTERS/UESLEI MARCELINO

 

O presidente da Abcam (Associação Brasileira dos Caminhoneiros), José da Fonseca Lopes, acredita que o governo não poderá acabar com a greve dos caminhoneiros. Segundo ele, o cenário poderá se tornar violento com o emprego do Exército e das forças policiais na liberação das rodovias bloqueadas.

“Ninguém vai conseguir tirar o caminhoneiro. Vai correr sangue nisso aí”, afirmou Lopes em entrevista ao jornal Folha de S. Paulo.

PUBLICIDADE

 

Apesar de dizer que vai fazer “o que for possível” para que o conflito não se acentue, Lopes diz o cenário pode virar uma “aberração”.

“O caminhoneiro é uma pessoa rude, uma pessoa simples. Quando ele entra numa briga, é difícil de tirar ele dessa briga”, disse. “Então isso pode criar sérios transtornos. Espero que não”, completa.

Durante pronunciamento nesta sexta-feira (25), o presidente Michel Temer disse que vai usar as forças federais para liberar as estradas bloqueadas pelos caminhoneiros e pediu que os governadores façam o mesmo. “O governo terá coragem de exercer sua autoridade em defesa do povo brasileiro”, disse o presidente.

Fonte: Gazeta web

 

PUBLICIDADE

 

 

 

Facebook Comments

você pode gostar

Deixe um Comentário