Home Alagoas Preço do diesel começa a baixar em Maceió, mas desconto é menor que o anunciado

Preço do diesel começa a baixar em Maceió, mas desconto é menor que o anunciado

Por Alagoas Brasil Noticias

Foto: Tnh1

Os postos de combustíveis de Maceió começam a baixar aos poucos o valor do diesel para o consumidor. De R$ 3,89, em média, registrado na semana passada em uma pesquisa feita pelo TNH1 na Avenida Fernandes Lima, baixou para R$ 3,77 e até R$ 3,65, mas só em alguns estabelecimentos.

 
PUBLICIDADE
 
 
 
De acordo com o diretor do Procon em Maceió, Leandro Almeida, existe mais de um fator a ser considerado na composição do novo preço do diesel que devem “atrasar” o desconto em cerca de duas semanas. O primeiro é que os postos ainda podem ter estoque do combustível comprado pelo valor antigo e, por isso, não farão reajuste imediatamente.
 

O segundo é que, como afirmam os proprietários, as distribuidoras podem estar passando o produto sem a devida redução. Para evitar o problema, o Procon pede que o consumidor denuncie e, em uma fiscalização, o órgão constate onde está o superfaturamento, se na bomba ou no caminhão.

E por último, deve ser considerada a composição do valor do diesel, que inclui impostos, lucro, custo do biodiesel e outros. “O desconto de 46 centavos, no final, pode não chegar ao consumidor, porque o diesel no posto não é 100% diesel, tem 10% de biodiesel. Nos estados tem a aplicação do ICMS: a Sefaz vai aplicar o ICMS sobre o valor total ou só sobre o diesel? É possível que a redução de preço seja menor, ao final, mas isso ainda é discutido em âmbito nacional”, explica Almeida.

Para o empresário João Cox, proprietário de posto, a redução ainda está pouco definida. Ele informou que se reúne nesta terça (5) com os integrantes do Sindicato do Comércio Varejista de Combustíveis (Sindicombustíveis) para discutir o assunto. Por enquanto, segundo ele, o desconto que chegou aos postos é de 0,20 centavos, por isso, o empresário pede que o Procon fiscalize as distribuidoras.

O consumidor, que é quem sente no bolso, também vai ter que fazer o papel de fiscalizador. Ele pode entrar em contato com o Procon Maceió, pelo telefone 82 33153702, ou com o Procon Alagoas no telefone 151, para tirar dúvidas ou fazer denúncias de preços altos.

Fonte: TNH1

 

PUBLICIDADE

 

Facebook Comments

você pode gostar

Deixe um Comentário