como operar mini contrato no olymp trade price action avançado opções binárias oq os trader achao de semana pra operar opções binárias martingale 15 planilha opções binarias excel opções binárias o que é vale a pena como migrar uma operação de day trade para suwing trader da para operar day trader pelo celular opçoes binarias qual melhor investir iq option opções binarias gratis gold trade investimentos relatório day trade xp investimentos templates para opções binárias a2 trader investimentos como funciona os depositos day trade ao vivo ativa investimentos do you know about bitcoin mining investment or forex trading operando swing trade online
Home NotíciasEsportes Marcelo Cabo confirma substitutos de Cajuru e Leandro Souza para o clássico

Marcelo Cabo confirma substitutos de Cajuru e Leandro Souza para o clássico

Por Alagoas Brasil Noticias

(Crédito: Ascom CSA) 

O CSA encerrou os treinamentos na manhã desta sexta-feira (8), no campo da Associação Atlética Banco do Brasil, no Litoral Norte de Alagoas. O Azulão saiu do Mutange para ter mais privacidade e fechar a atividade na véspera do Clássico das Multidões com o CRB.

“Estão confirmadíssimos. Mota e Roger confirmados para o jogo. O Elivelton vem de uma lesão, está completamente apto, mas nesse momento entendo que o Roger está com melhor ritmo de jogo. Jogou uma partida contra o Figueirense. Tem dado resposta muito boa no campeonato. Pela situação do jogo, optamos pelo Roger”. 

“E o Mota, não preciso falar das qualidades dele. Com a ausência do Cajuru e a enfermidade do Lucas, que não está recuperado completamente 100% da gastroenterite. Treinou ontem, treinou hoje, mas o Mota nesse momento reúne as melhores condições do que o Lucas para começar o jogo”, afirmou. 

CSA e CRB disputam neste sábado (9), às 16h30, no Estádio Rei Pelé, em Maceió, o primeiro clássico no atual formato de pontos corridos da Série B do Campeonato Brasileiro. O jogo é válido pela 10ª rodada da Segundona. O Portal TNH1, a TV Pajuçara e a Rádio Pajuçara FM Maceió – 103,7 acompanham todos os detalhes do confronto. 

Veja outros trechos da entrevista. 

Escolha por Mota

“O fato do Mota não vir jogando não é desculpa, não é qualquer coisa que tenha vindo acontecer. Quando o Cajuru entrou no time também não vinha jogando. O Mota é muito bem preparado pelo Gustavo [Scalese, preparador de goleiros]. Aconteceu o que aconteceu. Não vamos nos apegar a isso. Quando o Cajuru entrou na equipe também não vinha jogando. Quando o Mota saiu da equipe, vocês [jornalistas] lembram bem a minha coletiva, falei que confiava no Mota. Era uma opção minha naquele momento de optar pelo Cajuru”. 

“Nesse momento é minha responsabilidade optar pelo Mota, pelas circunstâncias. Mota tem a nossa confiança. É um goleiro campeão da Série C. Se ele está no CSA, tem a condição de assumir a titularidade. Ele trabalhou muito para adquirir essa oportunidade. Ele é um goleiro de 33 anos, muito rodado, muito experiente. É simplesmente mais um jogo na carreira do Mota. Só isso”. 

Clássico na Série B

“Clássico é clássico. Independente do momento que vive cada equipe dentro da competição, a tradição do clássico… São as duas maiores equipes do estado de Alagoas. É o clássico que revive novamente no cenário nacional. É diferente porque vamos jogar o Campeonato Brasileiro. Não tenho aqui dados sobre a última vez que isso aconteceu”. 

“[Jornalista informa que o último foi há 18 anos] Volta a ter um clássico na Série B depois de 18 anos. Isso tudo dá um ingrediente legal para podermos ter um clássico de paz. Que possamos abrilhantar o público com um bom jogo. Quem ganha é o futebol de Alagoas, que vai poder mostrar um grande clássico para todo o cenário nacional”.

Ferrugem

“[Meio-campo] Ganha. Ganha com a característica do Ferrugem. É um jogador que vem no ritmo muito bom. Está muito bem entrosado na equipe. Com a volta dele, o meio-campo tem um ganho muito grande”. 


(Foto: Ascom CSA)

Walter relacionado

“É o conjunto da obra. A melhora de performance. Não tem um ponto específico. O Walter está relacionado e vai para o clássico. Respondeu muito bem no período que teve de treinamento. Vai para o clássico e depois não pode jogar com o Paysandu por força de contrato. Nós abrimos mais 10 dias para ele. Trabalho intenso novamente com ele após o clássico. E ele retorno contra a Ponte Preta. Essa é a programação do Walter”. 


(Foto: Ascom CSA)

“Ele está indo para o clássico porque respondeu muito bem aos treinamentos. Estamos muito satisfeitos com a resposta que ele deu. Não só eu como treinador, mas a fisiologia, o departamento médico, preparação física e diretoria. Walter foi um profissional exemplar nesse período em que trabalhou na maioria dos dias em dois períodos. Está muito feliz, muito alegre. Mostrou melhora de performance dele nos treinamentos”.

Fonte: TNH1

Facebook Comments

você pode gostar

Deixe um Comentário