a verdade sobre opções binárias como operar home broker xp trader richard lee opçoes binarias pdf forex trading in america mundi investimentos b2c trader opções binárias campinas sp passo a passo opções binárias fx trading forex forex trading using fibonacci and elliott wave todd gordon pdf meta trader 5 download para operar a bolsa brasileira china international investment & trade fair alesc esperar testar para fazer operação day trader olympic trade investment tendencia opções binarias heavy equipment operator trade school opções binárias com darvas box diego marques opções binarias
Home NotíciasEsportes Em jogo violento, Irã vence o Marrocos com gol aos 49′ do 2º tempo

Em jogo violento, Irã vence o Marrocos com gol aos 49′ do 2º tempo

Por Alagoas Brasil Noticias

  REUTERS/Lee Smith

Marrocos e Irã estrearam na Copa da Rússia nesta sexta-feira, em São Petersburgo. As duas equipes abriram o Grupo B da competição, que ainda tem Portugal e Espanha. Após um bom primeiro tempo, as duas equipes mais bateram que criaram na segunda etapa e o gol não saiu…até os 49 minutos do segundo tempo, quando o marroquinho Bouhaddouz abriu o placar, mas para o Irã. O atacante tentou tirar o cruzamento, mas mandou pro fundo da rede de seu próprio goleiro.

O Marrocos, que tem como técnico Hervé Renard, entrou com El Kajoui, Hakimi, Benatia, Saiss, Ziyach, El Ahmadi, Belhanda, Boussoufa, Amrabat, Harit e El Kaabi. Já o Irã, treinado pelo português Carlos Queiroz, foi para o gramado com Beiranvand, Rezaeian, Cheshmi, Pouraliganji, Hajsafi, Ebrahimi, Ansarifard, Shojaei, Jhanbakhsh, Azmoun e Amiri.
 

JOGO

Primeiro tempo

O Marrocos chamou a responsabilidade do jogo pra si nos primeiros minutos da primeira etapa e chegou com perigo logo aos 7 minutos, com El Kaabi. A equipe de Renard seguiu na pressão e aos 18, Belhanda quase marcou pela primeira vez no jogo.

O Irã acordou na partida e igualou as chances com o rival ao tomar à frente no final do primeiro tempo. O lance mais perigoso do jogo foi, inclusive, para a seleção asiática. Azmoun, sozinho, chuta para defesa de El Kajoui. Jahanbakhsh ainda tenta o rebote, mas o goleiro, novamente, mostra força e corta. Aos 44, Hajsafi tenta mais uma fez, de falta, mas a bola vai por cima.

Segundo Tempo

Os times voltaram a campo e, logo no primeiro minuto, Jahanbakhsh deu um pisão em Ziyech e foi para o livrinho do juiz: amarelo. 

Diferentemente do primeiro tempo, a segunda etapa foi marcada mais pela violência que pelo futebol. Apenas aos 34 minutos, Ziyech acertou um chutaço de fora da área, mas Beiranvand pulou para defender e evitar o gol.

Aos 39, má notícia para o Irã. Jahanbakhsh, atacante e um dos principais nomes do time, sentiu uma lesão e saiu de maca. Carlos Queiroz pode ter problemas com a ausência do atleta, caso o problema seja grave.

Já nos acréscimos, Bouhaddouz, do Marrocos, marcou contra em um lance bizarro, quando o atacante tentava tirar um cruzamento na área. 

Com o placar, o Irã consegue sua segunda vitória em mundiais em 13 partidas. A última havia sido em 1998, na França, contra os Estados Unidos. 

Fonte: Noticias ao Minuto

 

Facebook Comments

você pode gostar

Deixe um Comentário