Home Mundo Trump assina decreto suspendendo separação de famílias de imigrantes

Trump assina decreto suspendendo separação de famílias de imigrantes

Por Alagoas Brasil Noticias
Mulher mexicana carrega o neto no ponto de entrada em Paso Del Norte – HERIKA MARTINEZ / AFP
 
WASHINGTON – O presidente dos EUA, Donald Trump, assinou nesta quarta-feira um decreto suspendendo a separação de crianças imigrantes de suas famílias que cruzam a fronteira sem documentos. O presidente americano não deu detalhes, mas ressaltou que a política de tolerância zero em relação à imigração continua. Mais cedo, ele havia indicado em entrevista à Fox News que assinaria um decreto determinando que as famílias de imigrantes sem documentos que são detidas pudessem permanecer juntas indefinidamente em centros de detenção, sem que pais e filhos fossem separados.

— Trata-se de manter as famílias juntas e ao mesmo tempo de garantir uma fronteira forte — disse Trump, ao lado da secretária de Segurança Interna, Kirstjen Nielsen, e do vice-presidente Mike Pence.

O presidente americano destacou que os imigrantes que continuarem tentando atravessar a fronteira serão processados porque “é necessário manter a firmeza ou o país vai ser infestado por pessoas, crimes”, valores que os EUA não defendem, sergundo ele.

A decisão foi tomada após imagens de crianças separadas dos pais desencadearem uma avalanche de críticas no país e no exterior e de membros do próprio partido se rebelarem contra a medida. O governo dizia que não tinha outra alternativa, mas diante da pressão recorreu a uma ordem executiva na véspera de a Câmara dos Representantes discutir o problema.

De acordo com o jornal “The New York Times”, a ordem executiva de Trump buscará contornar um acordo judicial mediado pela Suprema Corte em 1997, chamada de Acordo Flores, que proíbe o governo federal de manter crianças em centros de detenção migratórios por mais de 20 dias, mesmo que acompanhadas dos pais.

Fonte: O Globo

Facebook Comments

você pode gostar

Deixe um Comentário