opçoes binarias e piramides sao as mesmas coisa opções binárias l indicador gratis topos e fundos de opçoes binarias tempo de expiração do candlesticks em opções binárias transmissão ao vivo trader operando ao vivo no mini indice por que trader gosta de operar o mini indice t3 invest trader o que é forex trading para português trading system para forex day trader agora invest como operar day trade na modalmais forex algorithmic trading system gilberto tavares trader opçoes binarias trading system forex book pdf curso top trader opções binárias android forex trading platform o que acontece com a a2 trader investimentos
Home Mundo Pinturas sobre migração atribuídas a Banksy aparecem em Paris

Pinturas sobre migração atribuídas a Banksy aparecem em Paris

Por Alagoas Brasil Noticias

Uma das possíves pinturas de Banksy em Paris, na França Foto: Benoit Tessier/Reuters| Estadão

PARIS – Banksy aproveitou paredes de Paris para pintar murais sobre a imigração – um ato político do grafiteiro, realizado no momento em que governos se desentendem sobre a maneira de tratar as pessoas que fogem para a Europa.

Acredita-se que as obras começaram a aparecer já na última quarta-feira, designada pela Organização das Nações Unidas (ONU) como o Dia Mundial do Refugiado, e algumas já foram vandalizadas.

PUBLICIDADE

Outros trazem marcas registradas do artista britânico, como uma ratazana familiar em outras obras suas, neste caso voando pelo ar em uma rolha de uma garrafa de champanhe.

Um agente de relações públicas que trabalhou com Banksy anteriormente não respondeu a pedidos de comentário.

Banksy, cuja identidade real é desconhecida, é famoso por seus grafites em ambientes externos, inclusive na barreira de Israel na Cisjordânia e na Disneylândia, onde pintou uma figura em tamanho real de um detido da Baía de Guantánamo.

As obras de Banksy, outrora um grafiteiro de pouco renome da cidade inglesa de Bristol, vêm se tornando cada vez mais valiosas. As autoridades francesas colocaram uma capa de proteção sobre sua pintura de Steve Jobs, fundador da Apple, como um refugiado em um campo de imigrantes de Calais em 2015.

Fonte: Terra

 

PUBLICIDADE

Facebook Comments

você pode gostar

Deixe um Comentário