Home NotíciasEsportes CSA empata em 2 a 2 com o Atlético-GO fora de casa e segue como vice-líder

CSA empata em 2 a 2 com o Atlético-GO fora de casa e segue como vice-líder

Por Alagoas Brasil Noticias

(Crédito: Divulgação | Assessoria do Atlético )

O CSA quase conseguiu segurar a vitória, mas terminou empatando em 2 a 2 com o Atlético-GO nesta segunda-feira (23), no Estádio Olímpico Pedro Ludovico, em Goiânia, pela 17ª rodada da competição. Jr. Brandão marcou duas vezes, sendo o segundo o do empate aos 38′ do segundo tempo; Didira e Daniel Costa, de pênalti, fizeram os gols do Azulão. O Portal TNH1, a TV Pajuçara e a Rádio Pajuçara FM Maceió – 103,7 acompanharam a partida. 

O CSA agora tem 30 pontos e segue como vice-líder da Série B. O Dragão chegou aos 27 pontos e entra no G-4, na quarta posição. Veja a tabela no fim da matéria. 

Niltinho

O atacante Niltinho sofreu um duro choque em dividida com Bruno Santos, no lance que originou o gol de empate do CSA. O jogador do CSA caiu em campo aparentando dores na região do pescoço e precisou ser atendido por médicos dos dois clubes e bombeiros que estavam no estádio. Niltinho saiu na ambulância do Corpo de Bombeiros direto para o Hospital de Urgências de Goiânia. A partida ficou paralisada por seis minutos. Echeverría entrou no lugar do atacante.

A assessoria de comunicação do CSA informou que Niltinho está bem, consciente e que reclama de dores no pescoço. O jogador passou por exame de ressonância magnética. O médico do CSA Dr. Caio Santos está acompanhando o atleta e aguarda o resultado do exame.  

Próxima rodada

O Atlético-GO visita o São Bento no sábado (28), às 16h30, no Estádio Walter Ribeiro, em Sorocaba, São Paulo. O CSA segue jogando fora e encara o Avaí na sexta (27), às 19h15, no Estádio da Ressacada, em Florianópolis, Santa Catarina. 

Susto e virada

Sem Ferrugem e Walter, lesionados, Marcelo Cabo escalou o CSA com Juan e Alemão. Mas não deu nem tempo do time mostrar a estratégia montada. Logo aos 3′, o Dragão tabelou na intermediária ofensiva, Jr. Brandão disparou em velocidade sobre Leandro Souza, soltou uma bomba e marcou um golaço. Só que a resposta do Azulão foi rápida e eficiente. Niltinho tocou para Celsinho e levou a pior na dividida. O lateral cruzou com veneno, a bola viajou pela área goiana e só parou em Didira, que anotou o quinto gol dele na Série B e empatou a partida. Niltinho foi substituído por Echeverría logo depois. 


(Foto: Divulgação / Atlético-GO)

Quando o árbitro autorizou o recomeço do jogo, o CSA foi para cima. Aos 18′, Echeverría tentou cruzamento na direita, a bola explodiu no braço de Bruno Santos e o árbitro Felipe Gomes marcou o pênalti. Daniel Costa cobrou com categoria e virou o placar. Com a vantagem, o time marujo recuou. Aos 30′, Bruno Santos alçou a bola no gol e Frigeri deu um tapa para escanteio. Em busca do empate, o Dragão atacou até os acréscimos. Rômulo e Oliveira tentaram de cabeça em lances seguidos, mas Frigeri defendeu e segurou a vitória parcial. 

Empate em Goiânia

O Dragão retornou do intervalo disposto a empatar. Logo aos 3′, Renato Kayser carimbou o travessão de Frigeri. Aos 9′, Lucas Rocha e Kayser disputaram por cima e a bola acertou a trave do CSA mais uma vez. Aos 19′, André Luís apareceu bem na direita, mas finalizou para fora. Cabo trocou Juan por Dawhan e reforçou a marcação em seguida. Depois foi a vez de Hugo Cabral entrar no lugar de Alemão, bastante cansado em seu segundo jogo com a camisa azulina. 


(Foto: Divulgação / Atlético-GO)

Muito recuado, o CSA não suportou a pressão e viu o adversário empatar aos 38′. Júlio César desviou bola no meio da área, Júnior Brandão aproveitou a hesitação de Leandro Souza e mandou um canudo sem chances para Frigeri. O gol despertou o CSA, que ainda tentou o terceiro em chute de Daniel Costa, mas Jefferson espalmou e definiu o empate entre as equipes em Goiânia. 

Ficha técnica

Atlético-GO

1- Jefferson
2- Alisson
3- Lucas Rocha
4- Oliveira
6- Bruno Santos
5- Rômulo
8- Fernandes (19- Júlio César, aos 17′ do 2º tempo)
7- Renato Kayser (18- Wesley Natã, aos 43′ do 2º tempo)
10- João Paulo
11- André Luís (20- João Pedro, aos 32′ do 2º tempo)
9- Jr. Brandão

Técnico: Cláudio Tencati

Banco: 12- Klever, 13- Jonathan, 14- William Alves, 15- Gilvan, 16- Warian, 17- Mascarenhas, 18- Wesley Natã, 19- Júlio César e 20- João Pedro.

CSA

1- Lucas Frigeri
22- Celsinho
3- Leandro Souza
4- Xandão
6- Rafinha
5- Yuri
8- Juan (16- Dawhan, aos 23′ do 2º tempo)
7- Niltinho (17- Echeverría, aos 12′ do 1º tempo)
10- Daniel Costa
19- Didira
9- Alemão (11- Hugo Cabral, aos 33′ do 2º tempo)

Técnico: Marcelo Cabo

Banco: 12- Felipe Garcia, 13- Roger, 14- Elivelton, 15- Boquita, 16- Dawhan, 17- Echeverría, 20- Taiberson, 2- Velicka e 11- Hugo Cabral.

Gols

Atlético-GO: Jr. Brandão (3′ do 1º tempo e 38′ do 2º tempo). 

CSA: Didira (6′ do 1º tempo) e Daniel Costa (de pênalti, aos 19′ do 1º tempo). 

Cartão amarelo

Atlético-GO: Oliveira, André Luís. 

CSA: Echeverría. 

Arbitragem

Árbitro: Felipe Gomes da Silva (CBF/PR);

Auxiliar 1: Luciano Roggenbaum (CBF/PR);  

Auxiliar 2: João Fábio Machado Brischiliari (CBF/PR);  

4º árbitro: Jefferson Ferreira de Moraes (CBF/GO)

C Participantes PG J V E D GP GC SG %A
 Fortaleza-CE 30 16 9 3 4 22 11 11 62,5
 CSA-AL 30 17 8 6 3 25 17 8 58,8
 Vila Nova-GO 27 16 7 6 3 15 10 5 56,3
 Atlético Goianiense-GO 27 17 7 6 4 28 25 3 52,9
 Avaí-SC 26 16 7 5 4 24 14 10 54,2
 Figueirense-SC 25 16 7 4 5 24 20 4 52,1
 Ponte Preta-SP 24 16 7 3 6 18 15 3 50
 Goiás-GO 24 16 7 3 6 23 23 0 50
 Coritiba-PR 24 16 6 6 4 20 18 2 50
10º
 Guarani-SP 23 16 6 5 5 23 20 3 47,9
11º
 Oeste-SP 22 16 5 7 4 19 20 -1 45,8
12º
 Juventude-RS 21 16 4 9 3 16 16 0 43,8
13º
 CRB-AL 18 16 5 3 8 14 21 -7 37,5
14º
 Paysandu-PA 18 16 4 6 6 16 21 -5 37,5
15º
 São Bento-SP 18 16 3 9 4 16 18 -2 37,5
16º
 Londrina-PR 17 16 4 5 7 14 20 -6 35,4
17º
 Criciúma-SC 16 16 4 4 8 17 21 -4 33,3
18º
 Sampaio Corrêa-MA 16 16 4 4 8 16 21 -5 33,3
19º
 Brasil-RS 15 16 3 6 7 13 18 -5 31,3
20º
 Boa Esporte-MG 10 16 2 4 10 10 24 -14 20,8

Facebook Comments

você pode gostar

Deixe um Comentário