Home Entretenimento Famosos estão por trás de ataques contra família de Wesley Safadão

Famosos estão por trás de ataques contra família de Wesley Safadão

Por Alagoas Brasil Noticias

Tudo indica que é bem mais embaixo o buraco envolvendo os haters que atacam Thyane Dantas e Wesley Safadão pelas redes sociais.

De acordo com o colunista Leo Dias, o processo movido pelo casal contra mais de 100 internautas segue em segredo de Justiça na 7ª Vara Criminal de Fortaleza. É a maior ação judicial de uma celebridade contra haters da história brasileira.

O processo começou no fim de 2017 e ganhou força quando a mãe de Wesley Safadão, Dona Bill, tomou a frente das investigações. A sogra de Thyane Dantasdesembolsou mais de meio milhão de reais para contratar uma empresa que pudesse descobrir o IP, espécie de identidade dos computadores, de onde foram originados os ataques.

Com a identificação dos autores dos ataques, ela mesma foi ao encontro de dezenas de haters. Dona Bill chegou a propor a diversas pessoas que entregassem seus celulares para a polícia em troca de redução da pena.

De posse dos computadores e celulares, a polícia acabou descobrindo uma rede que passava informações privilegiadas da família de Wesley Safadão e estimulava os haters a publicarem mais e mais ataques contra a família do cantor.

O colunista ainda afirma que há uma bomba para explodir em breve em relação ao babado: existem pessoas famosas envolvidas nos ataques a Wesley SafadãoThyane Dantas. O advogado do cantor conta que cantores e empresários famosos estavam entre as pessoas que incitavam os haters. Blogueiras e influenciadores digitais também prestaram depoimento, sempre negando envolvimento com o escândalo.

A grande maioria das contas do Instagram que fizeram tais ataques já foram desativadas ao longo da investigação. Os ataques, por sua vez, diminuíram consideravelmente.

Mesmo assim, a família de Wesley Safadão quer levar o caso até as últimas consequências, o que deve acontecer ainda neste ano. Os envolvidos podem ser indiciados nos crimes de falsidade ideológica, injúria, difamação, ameaça e formação de quadrilha.

 

Fonte: Entrepop / Ana Paula Marques

Facebook Comments

você pode gostar

Deixe um Comentário