Home NotíciasEsportes Com um a menos, CSA faz 3×2 no Sampaio Corrêa e dorme vice-líder da Série B

Com um a menos, CSA faz 3×2 no Sampaio Corrêa e dorme vice-líder da Série B

Por Alagoas Brasil Noticias

CSA venceu o Sampaio e ficou bem perto de conseguir o acesso à Série A | Foto: RCortez/CSA

CSA começou na frente, levou a virada, mas passou à frente de novo e venceu o Sampaio Côrrea, por 3 a 2, nesta sexta-feira (2) feriado de Finados, no Castelão, em São Luís-MA. Os gols azulinos foram de Celsinho e Neto Berola (duas vezes). Já o Sampaio marcou com Esquerdinha e Matheusinho. 

Com esse resultado, o Azulão pula para a vice-liderança momentaneamente da Série B, com 57 pontos. Já o Sampaio segue com 32 pontos e na vice-lanterna da competição.

O CSA volta a campo na próxima terça-feira (6) para encarar o líder Fortaleza, às 21h30, na Arena Castelão, em Fortaleza, pela 35ª rodada, que será aberta na segunda-feira (5) com um jogo apenas, justamente do Sampaio, que vai pegar o Goiás, no Estádio Olímpico, em Goiânia, às 20h.

https://youtu.be/c8FwWE3NiZU

Sampaio Corrêa-MA 2×3 CSA | Confira os melhores momentos da partida válida pela 34ª rodada da Série B do Brasileirão

O jogo

Quem começou assustando foi o Sampaio. Aos 6 minutos de bola rolando, Fernando Sobral apareceu na ponta-direita, bateu cruzado e Leandro Souza afastou na pequena área, quando Jheimy se preparava para mandar para o fundo das redes. O jogo era morno no início.  Os dois times lutavam por espaços no meio de campo, mas pouco chegavam a incomodar os goleiros.

A partida ia passando dos 10 minutos e os dois times seguiam tentando, mas erravam muitos passes. Mas aos 22 minutos, o CSA conseguiu chegar e por pouco não abriu o placar, com Hugo Cabral. Ele recebeu na intermediária, se livrou de dois marcadores e arriscou de canhota. A bola explodiu na trave direita de Andrey. E o Sampaio respondeu com perigo aos 24 minutos, quando, após cruzamento da direita, Jheimy cabeceou e Lucas Frigeri fez a defesa.

Celsinho abriu o placar para o CSA, após aproveitar rebote do goleiro Andrey

O Azulão não estava melhor em campo, mas tinha jogadas mais agudas. E, em uma delas, conseguiu abrir o marcador. Aos 32 minutos, Rafinha soltou uma pancada na cobrança de falta, Andrey deu rebote e Celsinho empurrou para o fundo das redes, abrindo o placar em São Luís: 1×0. O Sampaio pressionava no finalzinho do 1º tempo e trocava passes no campo ofensivo. Já o CSA, com a vantagem no placar, passou a ficar todo recuado. Mas o time maranhense insistia e aos 43 minutos chegou ao empate, com Esquerdinha. 

Fernando Sobral avançou pela direita e cruzou rasteiro. Lucas Frigeri espalmou para o meio da área e ele mandou para o fundo das redes: 1×1. Aos 46 minutos veio a virada dos donos da casa. Jheimy avançou pelo lado direito, cruzou rasteiro para o meio da área e Matheusinho aproveitou para fazer: 2×1. 

Berola decide

Rafinha criou algumas oportunidades e deu trabalho ao Sampaio pelo lado esquerdo

No segundo tempo, o CSA não conseguia criar e seguia encurralado no campo defensivo, enquanto o Sampaio dominava a posse de bola. Precisando de ofensividade, Marcelo Cabo colocou o atacante Neto Berola na vaga de Dawhan, que saiu machucado, aos 19 minutos.Aos 25, o zagueiro Leandro Souza sentiu uma lesão e precisou deixar o gramado. Como Marcelo Cabo já havia colocado Rubens e Jhon Cley, não podia mais mexer e o Azulão ficou com dez jogadores no campo de jogo.

No entanto, sete minutos depois, Neto Berola mostrou porque tem a confiança do treinador. Didira cruzou da esquerda, o goleiro Andrey falhou e o atacante aproveitou o rebote para colocar a bola no fundo das redes: 2×2.

Após longa pressão do Sampaio, o Azulão conseguiu a virada aos 41 minutos, novamente com Neto Berola – o nome do jogo. Após cruzamento da esquerda, Rubens escorou de cabeça e o camisa 7 azulino finalizou da entrada da área. A bola ainda desviou na zaga e enganou Andrey. Final: CSA 3×2 Sampaio Corrêa.

Festa no vestiário do CSA após o fim da partida em São Luís

Sampaio Côrrea: Andrey; Luis Gustavo, Joecio, Odair e Julinho; Jocinei (César Sampaio), Adilson Goiano (Misael) e Esquerdinha (Eloir); Fernando Sobral, Matheusinho e Jheimy. 

Técnico: Marcinho Guerreiro.

CSA: Lucas Frigeri; Celsinho, Leandro Souza, Xandão e Rafinha; Yuri e Dawhan (Neto Berola); Daniel Costa (Jhon Cley), Didira e Hugo Cabral; Walter (Rubens). 

Técnico: Marcelo Cabo.

Fonte: Gazeta Web

Facebook Comments

você pode gostar

Deixe um Comentário