Home Geral ‘Se eu não tivesse corrido, ele teria me matado’, afirma idoso agredido em PE

‘Se eu não tivesse corrido, ele teria me matado’, afirma idoso agredido em PE

Por Alagoas Brasil Noticias

O idoso agredido | Reprodução/TV JornalEm entrevista à TV Jornal, o idoso agredido na manhã do último sábado (29), identificado como William José de Souza, de 61 anos, relatou como foi o ocorrido. “Eu vinha pela casa da minha irmã, quando o sujeito me atacou por trás. Ele dizia que eu tinha tentado enxerimento com a mulher dele, tudo mentira”, afirmou. A vítima recebeu alta do Hospital da Restauração (HR), no bairro do Derby, área central do Recife, nesse domingo (30). 

William José, com hematomas pelo corpo e alguns dentes quebrados, mal conseguia falar, mas complementou que “se eu não tivesse corrido, ele teria me matado ali mesmo, só de soco e chute”.

 
O caso
Uma câmera de segurança de um prédio localizado na Rua Amazonas, no bairro do Pina, Zona Sul do Recife, registrou na manhã desse sábado (29) a agressão sofrida por um idoso, identificado como William José de Souza. O vídeo, que foi divulgado nas redes sociais e pela imprensa, possibilitou que a polícia identificasse o suspeito como Bruno Nunes Elihimas, considerado foragido, uma vez que não foi encontrado em sua residência.

No vídeo, é possível observar que William é surpreendido por trás pelo agressor, que despende uma série de socos que derrubam o idoso. No chão, a vítima recebe mais socos e pontapés, a maioria no rosto. O agressor se afasta, mas volta pouco tempo depois, parece discutir com o idoso e volta a bater nele, que se levanta com dificuldade e continua a ser seguido pelo suspeito.

Fonte: TNH1

Facebook Comments

você pode gostar

Deixe um Comentário