Home Mundo Polícia identifica terrorista suicida de ataque com 21 mortos no Quênia

Polícia identifica terrorista suicida de ataque com 21 mortos no Quênia

Por Alagoas Brasil Noticias

A polícia do Quênia revelou neste sábado (19) a identidade do terrorista suicida que no dia 15 de janeiro se explodiu em um atentado a bomba em um complexo hoteleiro em Nairóbi, a capital do país, em uma ação conjunta com outros terroristas armados que resultou na morte de 21 pessoas.

Trata-se de Mahir Khalid Rizik, de 25 anos, nascido e criado na cidade de Mombaça, no litoral queniano, lugar ao qual teria retornado em 13 de janeiro após receber treinamento na Somália em 2018, segundo o jornal local “Daily Nation”.

De acordo com os relatos policiais, o terrorista suicida matou seis pessoas que se encontravam dentro do restaurante Secret Garden no luxuoso complexo hoteleiro que abriga escritórios de empresas, bancos e um spa, e é muito frequentado por estrangeiros e locais das classes mais altas.

Mahir era um membro ativo do grupo jihadista somali Al Shabab, que reivindicou a autoria do atentado no mesmo dia em que ele ocorreu, enquanto as forças de segurança quenianas ainda lutavam para render os terroristas entrincheirados no hotel DusitD2.

Entre os mortos há 16 quenianos, um americano, um britânico e outros três cidadãos africanos cujas nacionalidades ainda não foram esclarecidas, segundo os últimos números oficiais.

Cinco suspeitos relacionados com o ataque já foram indiciados – quatro quenianos e um canadense -, e outros seis permanecem sob custódia policial enquanto as investigações continuam, conforme o decreto emitido ontem pela juíza Martha Mutuku do Tribunal Superior de Milimani, em Nairóbi.

A capital queniana não era alvo de um atentado jihadista desde setembro de 2013, quando terroristas do Al Shabab, em uma operação similar, tomaram o shopping Westgate durante quatro dias e mataram 67 pessoas.

A pior ação terrorista sofrida no Quênia foi o atentado de 1998 contra a embaixada dos Estados Unidos em Nairóbi, que deixou mais de 200 mortos e milhares de feridos.

Bombeiro observa carros destruídos em atentado em Nairóbi, no Quênia — Foto: Njeri Mwangi/Reuters

Bombeiro observa carros destruídos em atentado em Nairóbi, no Quênia — Foto: Njeri Mwangi/Reuters

Fonte: G1 Mundo

Facebook Comments

você pode gostar

Deixe um Comentário