Mundo

Irã rechaça ameaça de guerra e descarta negociação com os Estados Unidos

O líder supremo do Irã, aiatolá Ali Khamenei, rejeitou as ameaças de guerra do presidente dos Estados Unidos, Donald Trump e descartou qualquer possibilidade de negociação com ele | 17 de setembro de 2019 | 05:27 h

(Foto: Anadolu Agency)

247 – O líder supremo do Irã, aiatolá Ali Khamenei, rejeitou as ameaças de guerra do presidente dos Estados Unidos, Donald Trump e descartou qualquer possibilidade de negociação com ele. 

A declaração foi feita na madrugada desta terça-feira (17), e vem como resposta às declarações do presidente norte-americano, Donald Trump, informa O Estado de S.Paulo. “É uma opinião unânime de todos os responsáveis pela República Islâmica do Irã: não haverá nenhuma negociação com os Estados Unidos, em nenhum nível”, disse Khamenei em sua página oficial na internet.  

Em sua conta no Twitter, o aiatolá enumerou razões para não aceitar as negociações com Washington. “Negociar com os EUA significa imposições das demandas deles sobre o Irã”, inciou. E continuou: “Negociar significa mostrar o sucesso da política norte-americana de ‘pressão máxima’.”  “É por isso que o respeitoso presidente, ministro das relações exteriores e outros unanimamente declaramos que não negociaremos com os Estados Unidos, bilateralmente ou multilateralmente”, escreveu em Khamenei. 

Trump chegou a declarar que os ataques a infraestruturas petroleiras na Arábia Saudita  “pareciam” ter sido ordenados pelo Irã, e que os Estados Unidos estariam “armados e carregados” para retaliar com uma ação militar.   

Preço do petróleo dispara  

Os ataques a instalações de produção de petróleo na Arábia Saudita impulsionaram o preço dos contratos futuros do petróleo na segunda-feira. O petróleo WTI para outubro fechou em alta de 14,67%, a US$ 62,90 o barril, na New York Mercantile Exchange (Nymex), e o Brent para novembro subiu 14,61%, a US$ 69,02 o barril, na Intercontinental Exchange (ICE).

Fonte: Brasil 247

Facebook Comments

Artigos relacionados

Fechar