Esportes

Braz: ‘Tem que ver com o presidente do Santos se ele viu o VAR de hoje’

LANCE! | 13/10/2019 | 19:51 | Curitiba (PR)

Marcos Braz ficou revoltado com a não marcação de um pênalti a favor do Flamengo – Alexandre Vidal/Flamengo

O vice-presidente de futebol do Flamengo, Marcos Braz, usou a não marcação de um pênalti a favor de seu time time durante a vitória do mesmo sobre o Athletico Paranaense, por 2 a 0, neste domingo, para rebater as declarações do presidente do Santos, José Carlos Peres, sobre as polêmicas envolvendo a arbitragem de vídeo (VAR).

Confira a classificação do Campeonato Brasileiro

Na sexta-feira, Peres afirmou que o Flamengo será campeão se depender do VAR. Neste domingo, porém, o uso da tecnologia prejudicou o Mais Querido quando o árbitro Braulio da Silva Machado voltou atrás na marcação do pênalti que o zagueiro do Furacão Léo Pereira cometeu no atacante Lucas Silva.

– A gente não aguenta mais ficar sem reclamar, enquanto eles (outros dirigentes) ficam só miando e bebendo leite, igual a um gato, prejudicando o Flamengo. Tem que ver com o presidente do Santos ser ele viu o VAR de hoje – disse Braz ao deixar a Arena da Baixada.

O dirigente do Flamengo ainda recordou um episódio recente protagonizado pelo presidente do Palmeiras, Maurício Galiotte, e cobrou um posicionamento da Confederação Brasileira de Futebol sobre as críticas de dirigentes que apontam o Flamengo como um clube constantemente beneficiado pelo VAR.

– O presidente do Palmeiras usou adjetivos pesados, questionou a idoneidade da arbitragem, e não foi punido. A CBF não se posicionou. Aí, vem o presidente do Santos e fala a mesma coisa. Quando se passam 15 dias, dois ou três presidentes falam e a CBF não faz absolutamente nada, você começa a questionar. Agora, nós vamos falar também. Não é em função do resultado, que foi ótimo para o Flamengo, mas o que aconteceu aqui (na Arena da Baixada) foi brincadeira – afirmou Braz.

Fonte: Lance Net

Facebook Comments

Artigos relacionados

Fechar