fx forex trading software estrategia einsten - opções binárias corretagem p operar swing trader easynvest arbitragem opções binarias catalogador opções binárias invictus quando fecha operação day trade e possivel investi em trade com 200 reais é possível operar opções com o meta trader curso opçoes binarias torrent swing trade xp investimento qual valor da taxa day trade da xp investimentos horário do mercado de opções binárias opções binárias podem forex online trading software free download operar opções binárias nos estados unidos estrategia 15m opções binárias rsi opções binárias maio 2018
Home SLIDE Google fecha temporariamente escritórios na China, Hong Kong e Taiwan por causa do coronavírus

Google fecha temporariamente escritórios na China, Hong Kong e Taiwan por causa do coronavírus

Por Alagoas Brasil Noticias

O Google está fechando temporariamente todos os seus escritórios na China, Hong Kong e Taiwan por causa do surto de corona vírus no país, confirmou a empresa ao G1. A decisão, de acordo com a empresa, segue uma diretriz do governo chinês, que estendeu os feriados do Ano Novo Lunar, um dos principais do país, para evitar a disseminação da doença

A empresa ainda afirmou que está doando US$ 250 mil para a Cruz Vermelha chinesa para ajudar nos esforços de combate ao vírus e que, em uma campanha interna, angariou US$ 500 mil em doações.

Embora o Google não opere vários dos seus serviços na China por conta de tensões com o governo local, a empresa mantém escritórios no país para tratar questões de vendas e engenharia de publicidade.

A indústria de tecnologia tem relações próximas com a China, principalmente porque o país é um grande mercado consumidor e também um polo de produção. Por causa disso, a maioria das empresas de tecnologia do mercado norte-americano tem escritórios no país.

Apple e Facebook já haviam restringido viagens de funcionários à China por conta da disseminação da doença. A fabricante de veículos Toyota prorrogou por mais uma semana a suspensão das atividades em fábricas na China.

 

Mulher usa máscara de proteção contra o coronavírus no saguão de entrada da estação de trem de Pequim em 24 de janeiro — Foto: Nicolas Asfouri/AFP

Mulher usa máscara de proteção contra o coronavírus no saguão de entrada da estação de trem de Pequim em 24 de janeiro — Foto: Nicolas Asfouri/AFP

Maior contaminação, menor letalidade

Os casos confirmados de coronavírus na China já superam os da epidemia da Sars, ocorrida há quase 20 anos — apesar dos esforços que o país empenhou em conter a doença.

Nesta quarta-feira (26), as autoridades de saúde anunciarahttps://g1.globo.com/economia/tecnologia/noticia/2020/01/29/google-fecha-temporariamente-escritorios-na-china-hong-kong-e-taiwan-por-causa-do-coronavirus.ghtmlm mais 26 mortes, o que eleva o balanço do coronavírus a 132 vítimas fatais, e 5.974 casos confirmados na China continental (sem contar Hong Kong, Macau e Taiwan).

A cifra já supera o número de infecções da epidemia de Síndrome Respiratória Aguda Grave (Sars) de 2002 e 2003, outro coronavírus que contaminou 5.327 pessoas no país. A Sars deixou 774 mortos no mundo, 349 deles na China continental.

Apesar do alto índice de transmissão, o novo coronavírus apresentou até o momento menor mortalidade que o Sars. De acordo com a Organização Mundial da Saúde (OMS), a epidemia de 2003 matou 10% dos infectados enquanto que as mortes do novo coronavírus são 2% dos afetados.

Suspeitas no Brasil

O Brasil tem nove casos suspeitos de coronavírus em seis estados. As informações foram divulgadas nesta quarta-feira (29) em coletiva de imprensa do Ministério da Saúde, em Brasília. Os dados são referentes ao período de 18 a 29 de janeiro.

Fonte: G1 Mundo

Facebook Comments

você pode gostar

Deixe um Comentário