investir na bolsa de valores com 4 diário pela trader forex prop trading como operar mercado futuro com meta trade 5 planilha opções binarias excel opções binárias quantos começar onde investir day trade workshop opçoes binarias operações com day trade no imposto de renda investir trade criptomoedas forex trading percentage como investir em opçoes digital opções binarias yahoo opções binárias renan camargo porque opções binarias foi proibido na europa trading com forex forex trading game estrategia quando investir day trade
Home NotíciasEsportes Risco de o Brasil não ir à Olimpíada é enorme

Risco de o Brasil não ir à Olimpíada é enorme

Por Alagoas Brasil Noticias

André Jardine, técnico da seleção brasileira no Pré-Olímpico — Foto: Ernesto Guzmán Jr/EFE

empate do Brasil por 1 a 1 contra o Uruguai, somado à vitória da Argentina sobre a Colômbia, deixa a seleção brasileira com a necessidade de ganhar o clássico contra os argentinos no domingo, para se classificar para a Olimpíada.

O risco de eliminação é enorme.

Principalmente, porque a Argentina, já garantida nos Jogos Olímpicos de Tóquio, é o único time com 100% de aproveitamento, o melhor ataque (14) e a defesa menos vazada (5). Além disso, o time argentino é bem mais experiente do que o brasileiro.

O técnico Lionel Scaloni já convocou para a seleção principal os atacantes Capaldo, do Boca Juniors, e Gaich, do San Lorenzo, e o meia MacAllister, também do Boca.

Filho do lateral-esquerdo homônimo, MacAllister é quem faz a bola chegar ao ataque, onde também joga Julian Alvarez, experiente e com participação na final da Libertadores de 2019, em Madrid, pelo River Plate. Capaldo e Gaich estão suspensos da partida contra o Brasil.

A diferença passa pelo fato de os argentinos terem jogadores que atuam no país, em clubes importantes, enquanto o Brasil sofre para conseguir liberações, como a de Martinelli, do Arsenal.

O clube inglês tem todo o direito de não liberar sua estrela, vice-artilheiro do time na temporada. Mas não deixa de ser curioso que Martinelli não possa disputar o Pré-Olímpico e que, na semana da decisão, esteja de folga dos jogos, por causa da parada de inverno, pela primeira vez experimentada na Premier League.

Gabriel Martinelli em partida pelo Arsenal contra o Chelsea — Foto: Stuart MacFarlane/Arsenal FC

Gabriel Martinelli em partida pelo Arsenal contra o Chelsea — Foto: Stuart MacFarlane/Arsenal FC

Fonte: Globo Esporte   

Facebook Comments

você pode gostar

Deixe um Comentário